[1]
C. Rodrigues, S. Helfand, e J. Lima, “Novas linhas de pobreza para o Brasil: uma análise a partir das pesquisas de orçamentos familiares (POF) 2002-2003 e 2008-2009”, Econ. Aplic., vol. 22, nº 1, p. 5-36, mar. 2018.