1.
Souza T, Silva C. Déficits Gêmeos no Brasil: Qual a Relação de Causalidade?. Econ. Aplic. [Internet]. 1 de março de 2018 [citado 24 de novembro de 2020];22(1):87-108. Disponível em: http://www.revistas.usp.br/ecoa/article/view/145396