Sobre o Custo do Tempo para a Competitividade da Indústria Brasileira: Diagnóstico e Síntese dos Impactos Econômicos da Facilitação do Comércio no Brasil

Palavras-chave: Facilitação de comércio, Indústria, Equilíbrio Geral

Resumo

Este artigo analisa a importância dos atrasos portuários para a competitividade da indústria de transformação no Brasil. Com base em estimativas recentes sobre o custo diário dos atrasos comerciais e em bases de dados do Banco Mundial e do GTAP (Global Trade Analysis Project), revela a magnitude destas barreiras sob a forma de seus equivalentes ad valorem. Em seguida, por meio de simulações em equilíbrio geral, estima o impacto da melhoria dos processos aduaneiros sobre o desempenho da indústria de transformação no Brasil, sob diferentes cenários. Os resultados obtidos ressaltam o caráter estratégico da facilitação do comércio para a economia Brasileira, em particular sua indústria de transformação e sua inclusão como item relevante para a agenda de crescimento de longo prazo do país.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Lucas Pedreira do Couto Ferraz, Fundação Getúlio Vargas (FGV) - Escola de Economia de São Paulo

Escola de Economia de São Paulo - FGV

Raoni Marinho, Fundação Getúlio Vargas (FGV) - Escola de Economia de São Paulo

Escola de Economia de São Paulo - FGV

Publicado
2018-11-12
Seção
Artigo