Produção e Comércio em uma Economia Agrária em Transformação

Jundiaí, 1799-1830

  • Deborah Oliveira Martins dos Reis Universidade de Brasília - UnB
Palavras-chave: Produção e atividades produtivas, Comércio, Trabalho escravo, Posse de terras, Séculos XVIII e XIX, São Paulo

Resumo

Através do recurso a documentação primária diversa, em especial de caráter censitário (listas nominativas de habitantes), o trabalho pretende deter-se sobre as características e mudanças da economia da localidade paulista de Jundiaí no período 1799 a 1830. Em especial, serão acompanhadas as atividades econômicas, a produção e o comércio levados a cabo pelos jundiaenses, assim como aspectos da escravidão e da posse de terras a eles relacionados, em um período em que a economia local passava por um processo de ampliação da sua base econômica, apresentando considerável produção para subsistência e mercado regional, assim como importante produção voltada a mercados mais distantes (identificados de um lado pela produção e circulação do milho, de outro pelo açúcar, com papel intermediário exercido pela negociação de muares).

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-03-20
Seção
Artigo