Avaliação do Impacto do Atendimento Educacional Especializado (AEE) sobre a Defasagem Escolar dos Alunos da Educação Especial

Palavras-chave: Atendimento Educacional Especializado, Educação Especial, Inclusão

Resumo

Este trabalho tem como objetivo analisar a influência das políticas públicas voltadas à inclusão escolar, em especial do acesso ao Atendimento Educacional Especializado, sobre os anos de defasagem escolar dos alunos público-alvo da educação especial. Para a condução da análise empírica, o método Propensity Score Matching foi empregado, com base nos microdados do Censo Escolar da Educação Básica - 2016. Treze amostras foram construídas, segundo as necessidades educacionais especiais dos alunos. Os resultados sugerem impacto negativo do programa sobre os anos de defasagem escolar para oito grupos de deficiência, com destaque para alunos com cegueira e baixa visão. Mesmo com os impasses enfrentados pelos estudantes, pelos profissionais e demais envolvidos na condução do AEE, ele se mostra eficiente em elevar a aprendizagem. Este estudo contribui para a avaliação do programa, que demanda constante aperfeiçoamento, de modo a atender às especificidades educacionais particulares a cada estudante.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Roberta Rodrigues Salvini, Universidade Federal de Viçosa

Doutoranda em Economia Aplicada pela Universidade Federal de Viçosa - UFV.

Raquel Pereira Pontes, Universidade Federal de Viçosa

Doutoranda em Economia Aplicada na Universidade Federal de Viçosa – UFV

Cristiana Tristão Rodrigues, Universidade Federal de Viçosa

Professora do Departamento de Economia da UFV

Maria Micheliana da Costa Silva, Universidade Federal de Viçosa

Professora do Departamento de Economia Aplicada da UFV

Publicado
2019-08-27
Seção
Artigo