Preocupação com o Crime Local afeta a Confiança das Pessoas na Polícia?

  • Joelson Oliveira Sampaio Fundação Getúlio Vargas
  • Rodrigo De Losso da Silveira Bueno Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
  • Renan Gomes Pieri Fundação Getúlio Vargas. Escola de Administração de Empresas de São Paulo
  • Luciana Gross Cunha Fundação Getúlio Vargas. Escola de Direito de São Paulo
Palavras-chave: Confiança na Polícia, Instituições, Crime

Resumo

A confiança nas instituições é um dos pilares centrais da estabilidade das democracias. Ao
explorar um banco de dados exclusivo relacionado à confiança nas instituições brasileiras, este
estudo investiga o efeito da preocupação sobre o crime local na confiança na polícia. Exploramos
dados da Pesquisa Confiança na Justiça, realizada para o período de 2013 a 2014, no estado de São Paulo. Nossa estratégia de identificação é o modelo de mínimos quadrados de
dois estágios, considerando a distância de um indivíduo às delegacias de polícia como variável
instrumental. Constatamos que um aumento no total de crimes registrados reduz a confiança
na polícia. Tais resultados são particularmente mais aparentes em crimes como tráfico de drogas
e estupro. Explorando heterogeneidades nos resultados, descobrimos que os negros são
mais sensíveis às mudanças na taxa de criminalidade em relação à segurança, mesmo quando
vivem em bairros semelhantes aos cidadãos brancos. Os resultados também mostram que
aqueles que tinham experiência anterior com a polícia são menos sensíveis, independente da
qualidade do trabalho policial da época.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rodrigo De Losso da Silveira Bueno, Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade

Professor na Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade - Universidade de São Paulo - FEA/USP

Publicado
2019-11-29
Seção
Artigo