Materiais didático-científicos e a história do ensino de ciências naturais em São Paulo (1880-1901)

Palavras-chave: Cultura material escolar, Ensino de ciências, Objetos científicos

Resumo

O objetivo do artigo é discutir, sob uma perspectiva histórica, o ensino de ciências naturais em São Paulo, entre os anos 1880 e 1901. O estudo é desenvolvido a partir da análise dos registros de objetos científicos e materiais didáticos existentes na Escola Normal de São Paulo, no período selecionado. Nesse sentido, são apresentados os processos de circulação internacional de materiais escolares destinados ao ensino das ciências naturais, bem como as possibilidades pedagógicas e os indícios de apropriação desses objetos ocorridos naquela instituição de formação de professores. Como fontes foram investigados os ofícios e as correspondências de solicitação de compra de objetos escolares, os orçamentos, as notas de compras, os inventários de bens da escola e os manuais de ensino. O procedimento metodológico consiste em confrontar os diferentes tipos de fontes destacando quais objetos foram adquiridos, os processos comerciais e administrativos pelos quais chegaram até a escola. Interessam, também, os indícios de usos desses materiais (particularmente dos objetos destinados ao ensino de química) considerando os discursos acerca das metodologias de ensino e as propostas dos manuais de ensino. Como resultado, o trabalho propicia uma maior compreensão dos processos de circulação dos objetos para o ensino das ciências naturais e das possibilidades de uso, associadas aos discursos e às práticas pedagógicas propagadas no período.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-11-19
Como Citar
Meloni, R., & Alcântara, W. (2019). Materiais didático-científicos e a história do ensino de ciências naturais em São Paulo (1880-1901). Educação E Pesquisa, 45, e207546. https://doi.org/10.1590/s1678-4634201945207546
Seção
Artigos