Entre a lógica da formação e a lógica das práticas: a mediação dos saberes pedagógicos

  • Maria Amélia Santoro Franco Universidade Católica de Santos; Programa de Mestrado em Educação
Palavras-chave: Formação, Prática docente, Saberes pedagógicos

Resumo

O trabalho procura colocar em destaque as diferentes concepções que sustentam a lógica que preside as práticas docentes e aquela que organiza os processos formativos, para então considerar que os saberes pedagógicos, vistos como saberes estruturantes do conhecimento profissional, podem ser o elo necessário para produzir os diálogos entre essas duas instâncias que coexistem na prática social de formação de docentes, embora, muitas vezes, de forma desconectada. A seguir, propõe-se a analisar as possibilidades da prática como elemento constitutivo e fecundador da formação docente. Coloca em destaque diferentes concepções de prática, realçando que há uma prática que forma, informa e transforma, simultaneamente, o sujeito e suas circunstâncias, e há uma prática que oprime, distorce e congela, especialmente o sujeito que nela se exercita e, nesse caso, este perde o acesso às suas circunstâncias. Realça estudos e pesquisas que demonstram que a prática é sempre mais abrangente do que aquilo que se supõe à primeira vista e sempre menos inteligível do que seria necessário considerar. Propõe a superação do sentido tecnicista que acompanha a representação dos estágios supervisionados para uma dimensão de práticas de formação que se organizem em novas unidades de sentido, que sirvam para configurar e sustentar a nova identidade profissional do professor para atuar na escola pública contemporânea.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2008-04-01
Como Citar
Franco, M. (2008). Entre a lógica da formação e a lógica das práticas: a mediação dos saberes pedagógicos . Educação E Pesquisa, 34(1), 109-126. https://doi.org/10.1590/S1517-97022008000100008
Seção
Artigos