"Pensamento do fora", conhecimento e pensamento em educação: conversações com Michel Foucault

  • Cintya Regina Ribeiro Universidade de São Paulo
Palavras-chave: Linguagem, Pensamento do fora, Pensamento reflexivo, Pensamento da diferença, Conhecimento educacional

Resumo

O presente trabalho visa problematizar a suposta constituição virtuosa entre educação e conhecimento oriunda de certa herança cultural da modernidade ocidental. A problemática ancora-se na indagação difusa, porém insistente, a ecoar no campo educacional: "o que é o ato do pensar, em educação, na contemporaneidade?". A tomada das condições atuais do pensamento como um problema de pesquisa educacional coloca em questão a histórica articulação entre conhecimento e pensamento reflexivo, obrigando ao confronto de certos amálgamas pedagógicos caros ao campo educacional moderno. Tal enfrentamento se realiza na companhia dos pensadores Michel Foucault e Friedrich Nietzsche, dada a relevância estratégica de suas produções, particularmente acerca da linguagem, da produção da verdade e de suas implicações nos modos de conhecer e pensar. Busca-se operacionalizar uma crítica da linguagem em direção a uma crítica do pensamento em educação, na chave de uma problematização ético-política. Nesse trabalho, tal plataforma analítica configura-se a partir das discussões de Michel Foucault - tanto em relação à questão do pensamento do fora, tal como elaborada por Maurice Blanchot, como em relação ao pensamento da diferença, tal como formulado por Gilles Deleuze. Sugerimos que a exploração desse debate possa atuar como um exercício de exterioridade ou de pensamento diferencial no jogo com o conhecimento e com o pensamento reflexivo presentes no campo educacional - seja no âmbito dos fazeres pedagógicos cotidianos da escola, seja no campo da produção da pesquisa educacional.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2011-12-01
Como Citar
Ribeiro, C. (2011). "Pensamento do fora", conhecimento e pensamento em educação: conversações com Michel Foucault . Educação E Pesquisa, 37(3), 613-628. https://doi.org/10.1590/S1517-97022011000300011
Seção
Artigos