Fusões e aquisições na indústria jornalística brasileira na visão do jornalista

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/extraprensa2019.163443

Palavras-chave:

Gestão jornalística, Negócio jornalístico, Media management, Fusões e aquisições

Resumo

Este trabalho visa compreender como, na visão do jornalista, processos de fusões e aquisições na indústria jornalística podem trazer uma nova lógica de gestão positiva às empresas do setor. Para isso, foi utilizada fundamentação teórica multidisciplinar, abrangendo áreas de conhecimento como Administração, Gestão, Estratégia, Sociologia do Jornalismo, Economia da Mídia e Media Management. Dentre os principais resultados alcançados por este estudo, destaca-se a percepção de que o jornalista está aberto, em um sentido positivo, a movimentações de fusões e aquisições na indústria informativa. Lateralmente, detectou-se que os jornalistas estão dispostos a fazer jornalismo com olhar voltado à obtenção de resultados que vão além dos editoriais. Uma pesquisa respondida por aproximadamente 90 jornalistas foi utilizada para obter os resultados deste estudo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Leandro Vieira, Escola Superior de Propaganda e Marketing

Mestre em Produção Jornalística e Mercado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing, São Paulo.

Fabiano Rodrigues, Escola Superior de Propaganda e Marketing

Doutor em Administração de Empresas pela Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Atuária da Universidade de São Paulo (FEA-USP), Mestre em Engenharia de Produção pela Escola Politécnica (POLI-USP) e Engenheiro de Produção pela POLI-USP. Head do Centro de Gestão e Transformação de Negócios da Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM-ADM). Docente na graduação e no Programa de Mestrado Profissional em Jornalismo da ESPM e na pós-graduação da Fundação Instituto de Administração (FIA-USP). Pesquisador do Núcleo Decide da FEA-USP, grupo de pesquisa sobre Teoria e Análise de Decisão.

Referências

ANDERSON, C. W.; BELL, E.; SHIRKY, C. Jornalismo Pós-Industrial: adaptação aos novos tempos. Revista de Jornalismo ESPM, São Paulo, n. 51, p. 30-89, abril-junho 2013.

ANDERSSON, U.; WIIK, J. News Demands on Editorial Leadership: Perceived Changes in Swedish Newspaper Management. Observatorio Journal, 8, n. 2, 2014. 1-16.

BAND. Linha do tempo. Band.com, 2018. Disponivel em: <http://www.band.uol.com.br/grupo/historia.asp>.

BASS, A. Shifting the Balance: Citizens, Employers, Journalists and the Internet. University College of the Cariboo, p. 31-43. 2002.

BATEMAN, T. S. Administração: construindo vantagem competitiva. São Paulo: Atlas, 1998.

BELL, E. et al. A imprensa nas plataformas. Revista de Jornalismo ESPM, São Paulo, n. 20, p. 48-83, julho-dezembro 2017.

BENDER, R.; WARD, K. Corporate Financial Strategy. 2 nd. ed. [S.l.]: Butterworth-Heinemann, 2005.

CAPARELLI, S. Comunicação de Massa sem Massa. São Paulo: Summus Editorial, 1986.

CASTRO, D. . M. . F. Criação de valor em fusões e aquisições. Universidade de São Paulo. São Paulo. 2010.

CRUSO É. Cruso É: uma ilha no jornalismo. Equipe. 2018. Disponível em Cruso É, 2018. Disponivel em: <https://crusoe.com.br/equipe/>.

DEUZE, M. What is Journalism? Professional identity and ideology of journalists reconsidered. In Journalism.. Journalism, 6, 2005. 442-464.

DEUZE, M.; WITSCHGE, T. O que o jornalismo está se tornando. Revista Parágrafo, São Paulo, v. 5, p. 7-20, jul-dez 2016.

DUARTE, R. G.; SAYÃO, A. C. M.; TANURE, B. Mudanças na cultura pós-aquisição: o Caso da Empresa Alfa.. 30º Encontro da ANPAD. Salvador. 2006.

DUCHESI, P.; BISWAS, R. Value Creation in Publishing Industry: The Impact of Acquiring IT Services Firms Between 2002 and 2007. The International Journal of Media Management, v. Vol. 15, p. 211-218, dezembro 2013.

ESTADÃO. Conheça a história da Agência Estado, 2007. Disponivel em: <https://www.estadao.com.br/infograficos/conheca-a-historia-da-agencia-estado,economia,330887>.

ESTADÃO. Há vinte anos, Grupo Estado entrava na era da Internet, 2015. Disponivel em: <https://acervo.estadao.com.br/noticias/acervo,ha-20-anos-grupo-estado-entrava-na-internet,10781,0.htm>.

EVETTS, J. The Management of Professionalism: a contemporary paradox. Londres: School of Sociology and Social Policy University of Nottingham, 2005.

FOLHA DE S.PAULO. Grupo Globo adquire controle do jornal ‘Valor Econômico’. Folha de S.Paulo, 13 setembro 2016. Disponivel em: <https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2016/09/1812854-grupo-globo-adquire-controle-do-jornal-valor-economico.shtml>.

HITT, M. A.; IRELAND, R. D.; HOSKISSON, R. E. Administração estratégica: competitividade e globalização. São Paulo: Thomson Learning, 2008.

HITT, M. A.; IRELAND, R. D.; HOSKISSON, R. E. Administração estratégica: competitividade e globalização. 2ª. ed. São Paulo: Cengage Learning, 2011.

KAHIL, G. XP Investimentos compra portal financeiro InfoMoney. Exame, 8 setembro 2011. Disponivel em: <https://exame.abril.com.br/mercados/xp-investimentos-compra-portal-financeiro-infomoney/>.

KAPLAN, R. Our future could lie within our own organizations. NiemanLab, 2018. Disponivel em: <http://www.niemanlab.org/2018/12/our-future-could-lie-within-our-own-organizations/?utm_source=Farol+Jornalismo+Newsletter&utm_campaign=01b9bf2893-EMAIL_CAMPAIGN_2018_12_14_03_18&utm_medium=email&utm_term=0_ab9279c0d3-01b9bf2893-319507925>. Acesso em: março 2019.

LOZANO, J. Conglomerados de mídia e fluxos audiovisuais na América Latina. Revista Comunicação, Mídia e Consumo, 2, novembro 2005. 91-121.

LUTZ, A. These 6 Corporations Control 90% of the Media In America.. Business Insider, 2012. Disponivel em: http://www.businessinsider.com/these-6-corporations-control-90-of-the-media-in-america-2012-6>>.

MARTINS, G. A.; THEÓPHILO, C. R. Metodologia da investigação científica para ciências sociais aplicadas. São Paulo: Atlas, 2007.

MCCRACKEN, H. The Washington Post is a Company Software Now. Fast Company, 2017. Disponivel em: <https://www.fastcompany.com/40495770/the-washington-post-is-a-software-company-now>. Acesso em: janeiro 2019.

MEIO & MENSAGEM. Metro Jornal. Meio & Mensagem, 2018. Disponivel em: <http://portfoliodemidia.meioemensagem.com.br/portfolio/midia/METRO+JORNAL/14282/home>.

MEMÓRIA GLOBO. Caso Time-Life. 1962/1971. Memória Globo, 2018. Disponivel em: <http://memoriaglobo.globo.com/acusacoes-falsas/caso-time-life.htm>.

MOLLA, R.; KAFKA, P. Here’s who owns everything in Big Media today. VOX, 18 junho 2019. Disponivel em: <https://www.vox.com/2018/1/23/16905844/media-landscape-verizon-amazon-comcast-disney-fox-relationships-chart>.

NEVÉU, E. Sociologia do Jornalismo. São Paulo: Edições Loyola, 2006.

PICARD, R. G. Commercialism and newspaper quality. Newspaper Research Journal, v. 25, p. 54-65, 2004.

PICARD, R. G. Why journalists deserve low pay. Reuters Institute for the Study of Journalism. Oxford: [s.n.]. 2009.

SANT'ANNA, L. O destino do jornal. Revista UFG, n. n.5, p. 9-15, dezembro 2008.

SCARDOELLI, A. Exclusivo: Veja perde editor executivo para O Antagonista. Comunique-se, 2018. Disponivel em: <https://portal.comunique-se.com.br/exclusivo-veja-perde-editor-executivo-para-o-antagonista/>.

SCIARRETTA, T. Polêmica e direta, consultoria cresce apesar de seus antagonistas. Folha de S.Paulo, 4 abril 2016. Disponivel em: <https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2016/04/1757147-polemica-e-direta-consultoria-cresce-apesar-de-seus-antagonistas.shtml>.

SIEGERT, G.; GERTH, M. A.; RADEMACHER, P. Brand Identity-Driven Decision Making by Journalists and Media Managers - The MBAC Model as Theorical Framework. The International Journal on Media Management, v. 13, p. 53-70, 2011.

SILVA, E. S. et al. Fusões e incorporações: decisões estratégicas que elevam o poder de uma organização.. REBRAE. Revista Brasileira Estratégica, 3, Maio-Agosto 2010. 161-169.

TOGNOLLI, C. J. Mídias, mafias e Rock’n’Roll. São Paulo: Editora Clara Ltda., 2007.

TUNSTALL, J. Journalists at work. Londres: Constable, 1971.

VIEIRA, L. Fusões e aquisições na indústria jornalística brasileira. Trade offs e visão do jornalista. São Paulo: Escola Superior de Propaganda e Marketing - Dissertação de mestrado, 2019.

WIIK, J. Journalism in transition. The Professional Identidy of Swedish Journalists. Gothenburg: Tese de doutorado - Universidade de Gothenburg, 2010.

Downloads

Publicado

2019-12-30

Como Citar

Vieira, L., & Rodrigues, F. (2019). Fusões e aquisições na indústria jornalística brasileira na visão do jornalista. Revista Extraprensa, 13(1), 145-168. https://doi.org/10.11606/extraprensa2019.163443