Redes Sociais Virtuais: a construção da identidade do afro-brasileiro e do afro-americano

  • Vagner Aparecido de Moura Pontificia Universidade Catolica de São Paulo
Palavras-chave: Redes sociais, Racismo, Identidade

Resumo

O artigo propõe um estudo netnográfico, baseados nos pressupostos teóricos de FALABRETTI (2010), GUATTARI (1992), MERLEAU-PONTY (1999, 2002, 2006) e SANTAELLA (2004, 2007, 2010, 2011), acerca da construção de identidade do afrodescendente no Brasil e nos EUA nas redes sociais. Para lograrmos êxito, nesta empreitada, serão extraídas categorias de análise fenomenológicas da obra M-P, mais especificamente a fenomenologia da percepção e a estrutura do comportamento, as quais nos permitem realizar um estudo comparativo da constituição de identidades do afro-brasileiro e do afro-americano nas redes sociais.

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vagner Aparecido de Moura, Pontificia Universidade Catolica de São Paulo
Bolsista doutorado do CNPq do Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Publicado
2012-06-30
Como Citar
Moura, V. (2012). Redes Sociais Virtuais: a construção da identidade do afro-brasileiro e do afro-americano. Revista Extraprensa, 5(2), 34-45. https://doi.org/10.11606/extraprensa2012.77247