Portal da USP Portal da USP Portal da USP

A Metafísica e sua Crítica. Sobre o debate entre Jürgen Habermas e Dieter Henrich em torno da metafísica, de Volker Gerhardt

Fernando Costa Mattos

Resumo


Ao traduzir e publicar esse texto de Volker Gerhardt, escrito há vinte e cinco anos, eu gostaria de chamar novamente a atenção para a polêmica em torno da metafísica que se havia estabelecido na época entre Dieter Henrich e Jürgen Habermas, culminando na publicação, por este último, de seu livro Pensamento pós-metafísico (1988).2 Em seu número XIV, estes mesmos Cadernos publicaram a minha tradução do principal texto de Dieter Henrich nesse episódio – as suas “Doze teses contra Jürgen Habermas”, de 1985 – e um artigo, de minha autoria, comentando a disputa acerca da morte ou sobrevivência (ou renascimento, se preferirem) da metafísica.3 Tendo em vista a recente publicação por Habermas do segundo volume de Pensamento pós-metafísico (2012),4 pode-se dizer que a questão continua não apenas viva, mas bastante atual.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.11606/issn.2318-9800.v0i21p97-130

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




INDEXADO POR:  International Philosophical Bibliography / Répertoire bibliographique de la philosophie; International Directory of Philosophy; Latindex; The Philosopher's Index; Ulrich’s Periodicals Directory; REDIB (Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico);European Reference Index for the Humanities and the Social Sciences (ERIH PLUS). ESTRATO A2 NO QUALIS DA CAPES.

 

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.