A teoria da emancipação de Karl Marx

  • Rúrion Soares Melo Universidade Federal do Estado de São Paulo
Palavras-chave: Marx, Emancipação, Crítica imanente, Luta de classes

Resumo

O presente artigo pretende introduzir alguns dos principais problemas decorrentes da coexistência de duas concepções concorrentes de emancipação presentes na teoria de Karl Marx, a saber, a emancipação pensada como autoemancipação do proletariado, em que este assume um papel ativo e constitutivo no processo revolucionário, e a emancipação formulada a partir da determinação econômica presente na dinâmica do capitalismo, a qual geraria as pré-condições técnicas, sociais e também organizacionais para a emancipação proletária. 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rúrion Soares Melo, Universidade Federal do Estado de São Paulo
Professor de Teoria Política na Universidade Federal do Estado de São Paulo
Publicado
2011-12-14
Como Citar
Melo, R. (2011). A teoria da emancipação de Karl Marx. Cadernos De Filosofia Alemã: Crítica E Modernidade, (18), 35-58. https://doi.org/10.11606/issn.2318-9800.v0i18p35-58
Seção
Artigos