Portal da USP Portal da USP Portal da USP

A moralidade no mundo: o sumo bem e a filosofia da história kantiana

Bruno Nadai

Resumo


Este artigo divide-se em duas seções. Na primeira, proponho uma leitura do conceito kantiano de sumo bem que busca mostrar o seu lugar sistemático no interior do sistema prático kantiano. Contrapondo-me a interpretações consagradas, sustento que o sumo bem, sem ferir a autonomia moral, permite a Kant tratar de problemas que tiveram de ser abstraídos quando da determinação do fundamento da moralidade. Em seguida, busco aproximar o conceito de sumo bem da noção de progresso moral contida na filosofia kantiana da história, discutindo a tese de que tal progresso pode ser lido como uma alternativa ao postulado da imortalidade da alma e a interpretação de que ele permite uma representação possível e mais concreta da via pela qual o mundo sensível pode ser aproximado da ideia de um mundo moral. 

 


Palavras-chave


Kant; Sumo bem; História; Moralidade; Mundo

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.11606/issn.2318-9800.v0i20p55-80

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




INDEXADO POR:  International Philosophical Bibliography - Répertoire bibliographique de la philosophie; Latindex; The Philosopher's Index; Ulrich’s Periodicals Directory; REDIB (Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico). ESTRATO A2 NO QUALIS DA CAPES.