[1]
Kant, I. e Codato, L. 2002. Dedução dos Conhecimentos puros a priori (Reflexão 5923), de Kant. Cadernos de Filosofia Alemã: Crítica e Modernidade. 8 (dez. 2002), 119-127. DOI:https://doi.org/10.11606/issn.2318-9800.v0i8p119-127.