O uso de filme didático como recurso no ensinoaprendizagem da técnica de massagem miofascial

  • Luiz Francisco Cachoni Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina
  • Isabela Pessa Anequini Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina
  • Mariana Callil Voos Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina
  • Francis Meire Favero Universidade Ibirapuera
  • Thiago Saikali Farcic Universidade Paulista
  • Fátima Aparecida Caromano Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina
Palavras-chave: Fisioterapia, Massagem, Aprendizagem, Materiais de Ensino, Educação

Resumo

Avaliou-se o efeito de demonstrações e instruções usando filme como complemento no processo de ensino-aprendizagem de habilidades técnicas de massagem miofascial (MM). Trata-se de um estudo experimental, duplo-cego com a participação de uma fisioterapeuta professora e 60 fisioterapeutas que realizaram o curso de MM (cegos ao objetivo do estudo). O curso teve duração de 15 aulas, utilizando o livro Massoterapia clínica e aulas expositivas para o grupo A (n=30). O mesmo material e um filme didático foram propostos para o grupo B (n=30). O livro descreve e ilustra as manobras e o filme as demonstra de modo prático. Ao final do curso foi realizada avaliação por filmagem de simulação de tratamento, e repetida após dois meses para verificar a retenção. Os participantes responderam a um questionário sobre satisfação com o curso. As filmagens foram avaliadas por dois fisioterapeutas. Foram avaliados: pressão realizada, posicionamento do paciente, posicionamento do fisioterapeuta, número de manobras por músculo, localização, direção e sentido das manobras, número de repetições das manobras, segmento da mão utilizado. Cada item foi pontuado como: 1=Técnica totalmente inadequada, 2=Técnica com grande falha, 3=Técnica com pequena falha, 4=Técnica satisfatória, 5=Técnica completamente adequada. A análise de correlação intraclasse confirmou confiabilidade dos dados e mostrou diferenças entre grupos na habilidade de aplicação de MM, com melhor aprendizado e retenção pelo grupo B (p<0,05). Além disso, a utilização de filme diminuiu a duração das aulas em um terço. Concluiu-se que as instruções em filme complementaram recursos tradicionais com vantagens para o aprendizado e retenção.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-12-17
Como Citar
Cachoni, L., Anequini, I., Voos, M., Favero, F., Farcic, T., & Caromano, F. A. (2018). O uso de filme didático como recurso no ensinoaprendizagem da técnica de massagem miofascial. Fisioterapia E Pesquisa, 25(4), 410-417. Recuperado de http://www.revistas.usp.br/fpusp/article/view/152873
Seção
Pesquisa Original