Ruptura e reencontros entre cartografia e arte e seus desdobramentos na educação geográfica contemporânea

Autores

  • Gisele Girardi Universidade Federal do Espírito Santo

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2594-9632.geoliterart.2018.140271

Palavras-chave:

cartografia geográfica, arte, educação geográfica

Resumo

A incorporação parcial de conhecimentos cartográficos no âmbito da cultura geográfica escolar brasileira promoveu um enrijecimento nas formas de se produzir geografia com mapas. Uma das possibilidades de entendimento da cartografia e dos mapas tem sido considerada a única possível, o que está na origem do forte caráter prescritivo que assumiu o conteúdo cartográfico no âmbito escolar. Serão analisados elementos da origem e disseminação de uma estética utilitária para os mapas que sustenta o referido enrijecimento, bem como serão apresentadas algumas discussões atuais sobre cartografia e arte que possam contribuir com o necessário repensar da cartografia na educação geográfica contemporânea.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gisele Girardi, Universidade Federal do Espírito Santo

Professora da Universidade Federal do Espírito Santo

Referências

BARNES, TrevorJ. Geographical Intelligence: American Geographers and Research and Analysis in the Office of Strategic Services 1941-1945. Journal of Historical Geography,n. 32, p. 149-168, 2006.

BERTIN, Jacques. Ver ou ler: um novo olhar sobre a Cartografia. Seleção de Textos, São Paulo, n. 18, p. 45-53, 1988.

CAQUARD, Sébastien; PIATTI, Barbara; CARTWRIGHT, William. Editorial: Special Issue on Art & Cartography. The Cartographic Journal, v.46, n.4,p. 289-291, 2009.

COSGROVE, Denis. Cultural cartography: maps and mapping in cultural geography. Annales de géographie, v.2, n. 660-661, p. 159-178, 2008.

CRAMPTON, Jeremy. New directions in the information era –a reply to Taylor (1991). The Cartographic Journal, v. 29, p.145-150, 1992.

CRAMPTON, Jeremy. Arthur Robinson and the creation of America’s first spy agency. In: INTERNATIONAL CARTOGRAPHIC CONFERENCE, 25, 2011. Paris, Proceedings 25 ICC, Paris, 2011. CD-ROM.

CRAMPTON, Jeremy; KRYGIER, John. An introduction to critical cartography. ACME: An international e-journal for critical geographies, v. 4, n.1, p.11-33, 2006.

D’IGNAZIO, Catherina. Art and cartography. In: KITCHIN, Rob; THRIFT, Nigel(Eds.). International Encyclopedia of Human Geography. Oxford: Elsevier, 2009, v. 1, p. 190–206.

FONSECA, Fernanda Padovesi da. O potencial analógico dos mapas. Boletim Paulista de Geografia, São Paulo, n. 87, p. 85-110, 2007.

GIRARDI, Gisele. A cartografia na geografia brasileira a partir dos anos 1970: notas para a compreensão de uma situação aindaa ser superada. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE GEÓGRAFOS, 6, 2004. Goiânia. Anais do VI CBG. Goiânia: AGB, 2004. CD-ROM.

HARLEY, JohnBrian. A nova história da cartografia. O Correio da Unesco, São Paulo, v. 19, n. 8, p. 4-9, 1991.HARLEY, John Brian. The map and the development of the History of Cartography. In: HARLEY, John Brian; WOODWARD, David (Eds.). The History of Cartography: Cartography in Prehistoric, Ancient, and Medieval Europe and the Mediterranean,v. 1, cap. 1, p. 1-42, 1987.

KEATES, JohnS. The cartographic art. Cartographica, v. 21, n. 1, p. 37-43, 1984.

KOLÁČNÝ, Antonín. Cartographic information: concepts and terms in modern cartography. Cartographica, n. 21, p. 39-45, 1977.

KRYGIER, John. Cartography as an art and a science? The Cartographic Journal, v. 32, p. 3-10, 1995.

LEWIS, G. Malcolm. The origins of cartography. In: HARLEY, John Brian; WOODWARD, David (Eds.). The History of Cartography: Cartography in Prehistoric, Ancient, and Medieval Europe and the Mediterranean,v. 1, cap. 3, p. 50-53, 1987.

MacEACHREN, Alan. M.How maps work: representation, visualization, and design. New York, The Guilford Press, 1995. 513p.

MOREIRA, Ruy. Geografia e práxis: a presença do espaço na teoria e na prática geográficas. São Paulo: Contexto, 2012. 221 p.

OLIVEIRA JR., Wencesláo Machado de. A educação visual dos mapas. Revista Geográfica de América Central. Costa Rica: Número Especial EGAL, p. 1-16, 2011.

Downloads

Publicado

2018-01-15

Como Citar

Girardi, G. (2018). Ruptura e reencontros entre cartografia e arte e seus desdobramentos na educação geográfica contemporânea. Revista Geografia, Literatura E Arte, 1(1), 171-184. https://doi.org/10.11606/issn.2594-9632.geoliterart.2018.140271

Edição

Seção

Artigos