O circuito espacial de produção do petróleo e o círculo de cooperação: uma leitura da dimensão política da urbanização

  • Silvana Cristina Da Silva UFF

Resumo

Analisamos o circuito espacial de produção do petróleo, problematizando como no período técnico-científico-informacional houve o aprofundamento da divisão entre os lugares que produzem informação e os lugares que obedecem às ordens do sistema produtivo global. A situação geográfica do Norte Fluminense, com destaque para a cidade de Macaé, evidencia a convergência das forças políticas internas e as ordens externas, que produz uma cidade especializada na etapa da extração do petróleo, mas que não detém o domínio da informação. As cidades que comandam os círculos de cooperação do petróleo continuam localizadas em países centrais. Assim, identificamos no circuito espacial produtivo do petróleo “as cidades do fazer”, onde ocorre a extração, e “as cidades do mandar”, onde as informações técnico-científicas, financeiras e políticas que comandam o circuito são produzidas majoritariamente.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-07-18
Como Citar
Da Silva, S. (2019). O circuito espacial de produção do petróleo e o círculo de cooperação: uma leitura da dimensão política da urbanização. GEOUSP Espaço E Tempo (Online), 23(2), 307-321. https://doi.org/10.11606/issn.2179-0892.geousp.2019.150120
Seção
Artigos