A TEORIA DA PRODUÇÃO DO ESPAÇO DE HENRI LEFEBVRE: EM DIREÇÃO A UMA DIALÉTICA TRIDIMENSIONAL

  • Christian Schmid Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Departamento de Geografia
Palavras-chave: Produção do espaço, Teoria, Henri Lefebvre, Dialética tridimensional, Fenomenologia

Resumo

Esse artigo trata da teoria da produção do espaço de Henri Lefebvre com o objetivo de explicar os seus fundamentos e assim contribuir para a superação de confusões que têm ocorrido com frequência na apropriação e interpretação de sua obra.  Schmid analisa e reconstroi a teoria de Lefebvre, identificando os elementos que constituem a sua estrutura básica bem como os fundamentos de sua epistemologia.  Para ele, é preciso considerar três aspectos cruciais até então negligenciados para compreender a teoria de Lefebvre: (1) sua versão triádica da dialética, desenvolvida com base em Hegel, Marx e Nietzsche; (2) sua teoria da linguagem baseada em Nietzsche; e (3) a influência da fenomenologia francesa em seu pensamento. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Christian Schmid, Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Departamento de Geografia

Professora do Departamento de Geografia da Universidade de São Paulo. Mestre e Doutora em Geografia Humana pela Universidade de São Paulo e especialista em Desenvolvimento Rural pela Universidade de Paris

Publicado
2012-12-30
Como Citar
Schmid, C. (2012). A TEORIA DA PRODUÇÃO DO ESPAÇO DE HENRI LEFEBVRE: EM DIREÇÃO A UMA DIALÉTICA TRIDIMENSIONAL. GEOUSP: Espaço E Tempo (Online), (32), 89-109. https://doi.org/10.11606/issn.2179-0892.geousp.2012.74284
Seção
Artigos