Portal da USP Portal da USP Portal da USP

Saberes em jogo: a criação do videogame Huni Kuin: Yube Baitana

Guilherme Pinho Meneses

Resumo


Este artigo tem como objetivo apresentar a experiência de desenvolvimento do videogame Huni Kuin: Yube Baitana (os caminhos da jiboia) por antropólogos, programadores e artistas de São Paulo (SP) e indígenas do povo Huni Kuĩ (Kaxinawá) do Rio Jordão (AC), visando descrever o seu processo de construção, bem como os conhecimentos, transformações e criatividades empreendidas no projeto. Também se pretende, a partir de uma breve apresentação de questões, a exemplo de formas de circulação de saberes, direitos autorais, pacto etnográfico, registro e tecnologia entre povos indígenas, colocar indagações iniciais acerca do estatuto do novo objeto, de usos e usuários potenciais, bem como de certas implicações jurídicas, educacionais e antropológicas.


Palavras-chave


Kaxinawá; Videogame; Criatividade; Tecnologia; Conhecimento

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.11606/issn.2525-3123.gis.2017.129176

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Guilherme Pinho Meneses

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.