O ensino de imunologia na graduação de medicina veterinária

Autores

  • Catia Helena de Almeida Lima Massari Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia. Programa de Pós-Graduação em Anatomia dos Animais Domésticos e Silvestres.
  • Luciana Silveira Flôres Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia. Programa de Pós-Graduação em Anatomia dos Animais Domésticos e Silvestres.
  • João Marcos Leite Santos Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia. Programa de Pós-Graduação em Anatomia dos Animais Domésticos e Silvestres.
  • Anaelise de Oliveira Macedo Turquetti Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia. Programa de Pós-Graduação em Anatomia dos Animais Domésticos e Silvestres.
  • Maria Angélica Miglino Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia. Departamento de Cirurgia.
  • José Roberto Kfoury Júnior Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia. Departamento de Cirurgia.

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2525-376X.v4i1p111-118

Palavras-chave:

Ensino Superior, Educação Médica Veterinária, Metodologias Ativas, Imunologia

Resumo

A disciplina de Imunologia Aplicada à Medicina Veterinária objetiva estudar os componentes celulares e moleculares do sistema imunológico dos animais domésticos e silvestres, bem como os mecanismos de resposta imune. Na maioria dos cursos, sua prática pedagógica ainda é abordada através da tradicional aula expositiva sob um paradigma de ataque-defesa do organismo, embora alguns cursos já estejam incorporando uma visão mais contemporânea cujo enfoque está no entendimento do sistema imune como um aparelho de reconhecimento, com diferentes consequências para os organismos como: tolerância, imunidade, hipersensibilidade e autoimunidade. Nesse sentido, é importante enfatizar a noção de que o sistema imunológico é parte de um amplo programa de manutenção de equilíbrio do organismo e, quando esse sistema está comprometido, disfunções podem surgir. Além disso, vale ressaltar a grande interação entre seus componentes com outros sistemas, especialmente o sistema neuroendócrino, além da complexa rede de regulação que os controla. Por esse ponto de vista, as metodologias ativas de ensino e aprendizagem, com ênfase em uma aprendizagem baseada em problemas, objetivam a melhoria das aulas expositivas de Imunologia. No curso de graduação em Medicina Veterinária, uma tendência é o ensino multimodal em que o aluno aprende por meio de ferramentas variadas, incrementando assim o desempenho acadêmico. Portanto, sugere-se que as metodologias inovadoras para ensino-aprendizagem sobre o sistema imunológico sejam encorajadas dentro das instituições de Ensino Superior.

Referências

ADNAN, NurHidayah; YAACOB, Yuzita; HASSAN, Mohammad Khatim; SALLEH, Hamzah Mohd & NOORBATCHA, Ibrahim Ali. “Developing CAS Models in Immunology Teaching”. In: Electrical Engineering and Informatics, 2009. ICEEI’09. International Conference on. IEEE, 2009, pp. 172-176.

ALMEIDA, Martha Elisa Ferreira & SANTOS, Virgínia Souza. “Immunology Teaching by Incorporating Knowledge from Theater and Music”. Journal of Biochemistry Education, vol. 13, n. 3, 2015, pp. 6-21.

ANDRADE, Ana Raquel Colares de & MOTA, Erika Freitas. “Importância das atividades de monitoria no suporte ao aprendizado de imunologia”. Encontros Universitários da UFC, vol. 1, n. 1, 2016, p. 2852.

BERÇOT, Filipe Faria; FIDALGO NETO, Antônio Augusto; LOPES, Renato Matos; FAGGIONI, Thais & ALVES, Luiz Anastácio. “Virtual Immunology: Software for Teaching Basic Immunology”. Biochemistry and Molecular Biology Education, vol. 41, n. 6, 2013, pp. 377-383.

CFMV. “Estratégias de Ensino-Aprendizagem para Desenvolvimento das Competências Humanísticas”. Propostas para Formar Médicos Veterinários para um Mundo Melhor. 150 p. 2012.

CORPE, Fernanda Pires & MOTA, Erika Freitas. “Utilização de Modelos Didáticos no Ensino-Aprendizado em Imunologia”. Revista da SBEnBio, n. 7, out. 2014.

FARNAN, Jeanne M.; PARO, John A. M.; HIGA, Jennifer; EDELSON, Jay & ARORA, Vineet M. The “YouTube Generation: Implications for Medical Professionalism”. Perspectives in Biology and Medicine, vol. 51, n. 4, 2008, pp. 517-524.

ICB – Instituto de Ciências Biomédicas. Ementa da disciplina de Imunologia – BMI0214. Júpiter – Sistema de Graduação. Disponível em: <https://uspdigital.usp.br/jupiterweb/obterDisciplina?sgldis=bmi0214&nomdis=>. Acessado em 2 jul, 2018.

LETARTE, Michelle & TAMMINEN, Wendy. “Teaching Immunology as a Science and Field of Medicine”. Frontiers in immunology, vol. 5, 2014, p. 114.

LOPES, C. & AMARAL, F. Explorando o Sistema Imunológico. Disponível em: <http://www1.pucminas.br/imagedb/documento/DOC_DSC_NOME_ARQUI20130912164902.pdf>. Acessado em 5 maio 2019.

MANZONI-DE-ALMEIDA, Daniel; MARZIN, Patricia & TRIVELATO, Silvia Frateschi. “Analysis of Epistemic Practices in Reports of Higher Education Students’ Groups in Carrying Out the Inquiry-Based Activity of Immunology”. Investigações em Ensino de Ciências, vol. 21, n. 2, 2016, pp. 105-120.

MARTINS, Fernanda Patrícia Serafim & PEREIRA, Fernando Lourenço. “Teaching of Immunology: Major Methods and Resources Used in Brazilian Universities. A Enseñanza de la Inmunología: Métodos y Análisis de los Principales Recursos Educativos Utilizados en las Universidades de Brasil”. II Fórum Internacional Sobre Prática Docente Universitária. Universidade Federal de Uberlândia, 2012.

MASTRANTONIO, Eneida César & MORAES, Fernanda Rosalinski. “Production of Models as an Alternative Method of Education and Motivation in Graduation Students of Immunology Producción de Maquetas como Modelos de Técnicas Alternativas para la Educación y Motivación de los Alumnos de la Disciplina Inmunología”. II Fórum Internacional Sobre Prática Docente Universitária. Universidade Federal de Uberlândia, 2012.

MURPHY, Kenneth; TRAVERS, Paul & WALPORT, Mark. Imunobiologia de Janeway. Trad. Lambert APF et al. 7 ed. Porto Alegre: Artmed, 2010.

PATHARE, Nirmal A. “Interactive Animations to Enhance Learning of Concepts in Immunology”. Medical Education, vol. 48, n. 5, 2014, pp. 522-522.

PIMPÃO, Cláudia Turra; CATAPAN, Dariane Cristina; ROCHA, Rita Maria Venâncio Mangrich; CHI, Kung Darh; TEIXEIRA, Valeria Natasha; MADEIRA, Humberto Maciel França; MICHELOTTO, Ana Lúcia; GUEBERT, Mirian Célia Castellain & BURCHARD, Javier. “Desenvolvendo Competências na Aprendizagem de Estudantes de Medicina Veterinária”. Veterinária e Zootecnia, vol. 24, n. 3, 2017, pp. 592-603.

POTOMKOVA, Jarmila; MIHAL, Vladimir; SCHWARZ, Daniel. “Medical Education for YouTube Generation”. In: E-Learning-Engineering, On-Job Training and Interactive Teaching. IntechOpen, 2012.

SIQUEIRA-BATISTA, Rodrigo; GOMES, Andréia Patrícia; ALBUQUERQUE, Verônica Santos; MADALON-FRAGA, Rodrigo; ALEKSANDROWICZ, Ana Maria Coutinho & GELLER, Mauro. “Ensino de Imunologia na Educação Médica: Lições de Akira Kurosawa”. Revista Brasileira de Educação Médica, vol. 33, n. 2, 2009, pp. 186-90.

TIZARD, Ian. Imunologia Veterinária. Rio de Janeiro: Elsevier Brasil, 9 ed., 2014.

TOLEDO, Karina Alves de; MAZALI, Gabriela Stella; PEGORARO, Juliana Alves; ORLANDO, Jaqueline & DE ALMEIDA, Daniel Manzoni. “O Uso de História em Quadrinhos no Ensino de Imunologia para Educação Básica de Nível Médio”. Revista Inter Ação, vol. 41, n. 3, 2016, pp. 565-584.

TORRES, Elenilde Maria dos Santos; GOMES, Fátima; DELOU, Cristina Maria Carvalho; CASTRO, Helena Carla; ALVES, Luiz Anastácio; MARIAN, Ruth Maria & SILVA, Bruno Cezário. “Material Didático para o Ensino de Imunologia a Indivíduos com Necessidades Educacionais Especiais na Perspectiva da Surdez”. RevistAleph, n. 21, 2014.

ZHANG, Zhiren; LIU, Wei; HAN, Junfeng; GUO, Sheng & WU, Yuzhang. “A Trial of Patient-Oriented Problem-Solving System for Immunology Teaching in China: a Comparison with Dialectic Lectures”. BMC Medical Education, vol. 13, n. 1, 2013, p. 11.

Downloads

Publicado

2020-07-23

Como Citar

Massari, C. H. de A. L., Flôres, L. S., Santos, J. M. L., Turquetti, A. de O. M., Miglino, M. A., & Júnior, J. R. K. (2020). O ensino de imunologia na graduação de medicina veterinária. Revista De Graduação USP, 4(1), 111-118. https://doi.org/10.11606/issn.2525-376X.v4i1p111-118

Edição

Seção

Relatos