Análise de políticas públicas para bibliotecas no Brasil

  • Elisa Campos Machado UNIRIO (Rio de Janeiro - RJ.)
Palavras-chave: Bibliotecas, Políticas públicas

Resumo

Aborda a necessidade de desenvolvimento de análises de políticas públicas para as bibliotecas no Brasil, com o objetivo de contribuir para alterar a realidade evidenciada no primeiro Censo Nacional de Bibliotecas Públicas Municipais. A partir de um panorama das políticas públicas para a área, nas três esferas da federação, é possível identificar mudanças positivas no âmbito federal, que, no entanto, não se apresentam como garantias de mudanças efetivas da realidade nacional. No âmbito estadual e municipal, a situação é mais grave, tendo em vista a falta de consciência dos governos locais em destinar esforços para a construção de políticas públicas para essa área. Nesse contexto, defende a necessidade de aprofundar os estudos e lançar mão de metodologias que ajudem a explicar as causas e consequências de determinadas ações governamentais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Elisa Campos Machado, UNIRIO (Rio de Janeiro - RJ.)
Membro da Comissão de Acervo da Superintendência da Leitura e do Conhecimeneto da SEC/RJ e professora adjunto da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.
Publicado
2010-07-20
Como Citar
MACHADO, E. Análise de políticas públicas para bibliotecas no Brasil. InCID: Revista de Ciência da Informação e Documentação, v. 1, n. 1, p. 94-111, 20 jul. 2010.
Seção
Artigos