Habitar íntimo: a poesia de Eduardo Dall’Alba

  • Vera Lúcia de Oliveira Università degli Studi di Perugia
Palavras-chave: Eduardo Dall’Alba, poesia brasileira, imigração italiana no Brasil

Resumo

Eduardo Dall’Alba (1963-2013) publicou mais de dez livros, incluindo ensaios e poesia, e recebeu diversos prêmios. Vindo de família de imigrantes de origem veneta, estabeleceu-se no Rio Grande do Sul no final do século XIX. Profundo conhecedor da literatura italiana e estudioso de Dante, conseguiu fundir as duas culturas e identidades, a brasileira e a italiana. Proponho-me a evidenciar, aqui, como a poesia do autor recupera a vivência recalcada e silenciada dos milhares de imigrantes italianos no sul do Brasil, contemplando suas dores, a frustração por terem deixado a própria terra, a nostalgia e a obsessão pela autossuficiência econômica que se obtinha pelo trabalho incessante de todos os membros da família, o dialeto ou os dialetos, vistos como elemento aglutinador das primeiras comunidades

Biografia do Autor

Vera Lúcia de Oliveira, Università degli Studi di Perugia
Poeta e ensaísta, é docente da Università degli Studi di Perugia. Escreve poesias em português e italiano e tem textos em várias revistas e antologias no Brasil, em Portugal, na Itália, na Espanha, nos Estados Unidos, na Romênia e na Alemanha. Dentre os diversos prêmios recebidos, podemse citar: Premio Sandro Penna (1988), Prêmio de Poesia da Academia Brasileira de Letras (2005), Premio “Popoli in cammino” (2005), Premio Internazionale di Poesia Pasolini (2006) e Premio Internazionale di Poesia Alinari (2009). Em 2006, recebeu das mãos do Presidente Lula o Prêmio Literatura para Todos, promovido pelo Ministério da Educação, pela obra Entre as junturas dos ossos, publicada em 110 mil cópias a serem distribuídas em escolas públicas brasileiras. Dentre seus livros, destacam-se: Geografia d’ombra (poesia), Fonèma, 1989; Poesia, mito e história no Modernismo brasileiro (ensaio), Unesp e Edifurb, 2002; La guarigione (poesia), La Fenice, 2000; A chuva nos ruídos - Antologia Poética, Escrituras, 2004; Verrà l’anno (poesia), Fara, 2005; Storie nella storia: Le parabole di Guimarães Rosa (saggio), Pensa Multimedia, 2006; No coração da boca, Escrituras, 2006; Entre as junturas dos ossos (poesia), Ministério da Educação, 2006; A poesia é um estado de transe (poesia), Portal Editora, 2010; La carne quando è sola (poesia), SEF, 2013; Vida de boneca (poesia per bambini), Edições S.M., 2013.
Publicado
2014-06-06
Como Citar
Oliveira, V. L. (2014). Habitar íntimo: a poesia de Eduardo Dall’Alba. Revista De Italianística, (27), 43-55. https://doi.org/10.11606/issn.2238-8281.v0i27p43-55
Seção
Não definida