História da Ciência no Ensino Médio: caminhos para uma interdisciplinaridade possível

Autores

  • Gisela Tolaine Massetto de Aquino FFLCH - USP

DOI:

https://doi.org/10.11606/khronos.v0i4.133187

Palavras-chave:

História, História da Ciência, Interdisciplinaridade, Ensino Médio

Resumo

Análise das possibilidades do componente curricular de história mediar a relação de ensino e aprendizagem entre os componentes de ciências da natureza e matemática, usando como ferramenta fundamental a história da ciência. Propõe-se que o ensino deva ser realizado em nível de Ensino Médio

O artigo faz referência aos trabalhos interdisciplinares já desenvolvidos dentro entra as humanidades e parte dessa premissa de sucesso para sugerir a aproximação entre as ciências da natureza, matemática e história.

A partir da análise das diferentes propostas que vêm sendo desenvolvidas na atualidade busca-se subsídios para comprovar que a interdisciplinaridade entre as diferentes áreas do conhecimento é possível.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gisela Tolaine Massetto de Aquino, FFLCH - USP

Doutorado e Mestrado em História Social (FFLCH-USP), graduação em História e Pedagogia, especialização em Psicopedagogia. Trabalha como coordenadora de história do Fundamental II, no Colégio Visconde de Porto Seguro

Downloads

Publicado

2017-09-11

Como Citar

Aquino, G. T. M. de. (2017). História da Ciência no Ensino Médio: caminhos para uma interdisciplinaridade possível. Khronos, (4), 14-31. https://doi.org/10.11606/khronos.v0i4.133187

Edição

Seção

Dossiê “História das doenças e artes de curar"