A disciplina Gravitação no Curso de Licenciatura em Física da USP: objetivos e fundamentos de uma proposta guiada pela história e filosofia da ciência

Autores

  • Flávia Polati USP
  • Valéria Silva Dias Docente do Instituto de Física da USP
  • João Zanetic Docente do Instituto de Física da USP

DOI:

https://doi.org/10.11606/khronos.v0i4.134222

Palavras-chave:

formação de professores, currículo, Gravitação

Resumo

Atualmente podemos dizer que há um reconhecimento da importância da presença de elementos da história e da filosofia da ciência na sala de aula por inúmeras pesquisas, currículos, diretrizes nacionais e internacionais para o ensino de ciências mundial. Entretanto, uma das dificuldades em levar tais elementos para a sala de aula, recai na formação específica do professor para lidar com os conteúdos científicos e também aspectos da história e da filosofia da ciência inerente aos episódios abordados. Dessa forma, apresentamos neste artigo os fundamentos, objetivos e pressupostos da disciplina Gravitação, regularmente oferecida no 2º semestre da Licenciatura em Física da USP. Tal disciplina busca introduzir conceitos de Física através do desenvolvimento histórico e filosófico das teorias da Gravitação, partindo desde os gregos até as teorias gravitacionais do século XX. Ao apresentar alguns resultados gerais de três momentos da implementação dessa proposta, buscamos analisar alguns caminhos percorridos pelos docentes que a implementaram, olhando como esta disciplina manteve sua proposta original e quais seus papeis no início da formação de professores e Física.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Flávia Polati, USP

Professora de Física do ensino médio e superior, atuando juntamente aos cursos de formação de professores de Física e Ciências. Pesquisadora da área de Ensino de Física

Downloads

Publicado

2017-09-11

Como Citar

Polati, F., Dias, V. S., & Zanetic, J. (2017). A disciplina Gravitação no Curso de Licenciatura em Física da USP: objetivos e fundamentos de uma proposta guiada pela história e filosofia da ciência. Khronos, (4), 72-83. https://doi.org/10.11606/khronos.v0i4.134222

Edição

Seção

Dossiê “História das doenças e artes de curar"