[1]
L. T. Omena Tamano, “O Movimento Sanitarista no Brasil: a visão da doença como mal nacional e a saúde como redentora”, Khronos, nº 4, p. 102-115, set. 2017.