Retórica da agudeza

  • João Adolfo Hansen Universidade de São Paulo; Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Palavras-chave: racionalidade de Corte, retórica, metáfora, agudeza, conceito

Resumo

O texto é uma exposição da doutrina seiscentista da agudeza. A agudeza é o efeito inesperado de sentido obtido pela condensação metafórica de conceitos extremos. Relacionando a prática da agudeza à racionalidade de Corte das monarquias absolutistas do século XVII, exemplifica com poetas, oradores e preceptistas, como Góngora, Gracián, Donne, Shakespeare, Gregório de Matos, Vieira, Tesauro, Pallavicino, Peregrini etc., a apropriação e a aplicação das autoridades retóricas gregas e latinas na produção do “belo eficaz”.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2000-10-14
Como Citar
Hansen, J. A. (2000). Retórica da agudeza. Letras Clássicas, (4), 317-342. https://doi.org/10.11606/issn.2358-3150.v0i4p317-342
Edição
Seção
Artigos