Observações acerca de interação, gênero textual e plano de texto em cartas pessoais

  • Marise Adriana Mamede Galvão Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Palavras-chave: interação, gênero textual, plano de texto, cartas pessoais.

Resumo

Este artigo apresenta uma discussão sobre interação, gênero textual e plano de texto em cartas pessoais, a partir de perspectivas textuais e interacionais. Tem-se como referências as noções de interação verbal, gênero textual e plano de texto, objetivando-se descrever, analisar e interpretar evidências linguísticas e textuais em cartas pessoais. Elegeu-se como corpus de investigação uma carta escrita por Luis da Câmara Cascudo, endereçada a Mário de Andrade, selecionada de um conjunto de correspondências reunidas em um volume sob o título Câmara Cascudo e Mário de Andrade, Cartas, 1924-1944. Seguiu-se uma abordagem qualitativa de investigação, centrando a atenção nas práticas sociais usadas por interactantes, a fim de cumprir objetivos específicos por meio de cartas. Assim, refletiu-se sobre esse objeto como uma forma de sociabilidade e envolvimento entre as pessoas, que selecionam um gênero na interação e constroem textos por meio de planos de fixos e ocasionais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marise Adriana Mamede Galvão, Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Departamento de Letras - CERES
Publicado
2013-12-16
Como Citar
Galvão, M. A. (2013). Observações acerca de interação, gênero textual e plano de texto em cartas pessoais. Linha D’Água, 26(2), 203-220. https://doi.org/10.11606/issn.2236-4242.v26i2p203-220
Seção
Artigos originais