Questões de ética em A raça perfeita, de Angela Lago e Gisele Lotufo

  • Cristiano Camilo Lopes
Palavras-chave: Ética e literatura, Angela Lago, Gisele Lotufo, Metáfora, Linguagem visual

Resumo

Desde a antiguidade clássica até a contemporaneidade a ética tem fomentado discussões a respeito da moral, dos hábitos e dos costumes dos seres humanos em todos os lugares e em todas as épocas. Como ciência a ética se propõe teorizar sobre a lógica de cada moral existente a fim de que se possa compreender as diversas formas do comportamento humano. Em decorrência disso, essa ciência vem discutindo questões em vários segmentos da vida como, por exemplo, a submissão de seres humanos a pesquisas científicas. A reflexão sobre essa questão tem estado em evidência na academia e nas artes. Assim, neste artigo, por meio da análise das personagens de A raça perfeita, de Angela Lago e Gisele Lotufo, propomos uma discussão sobre a ética no campo da pesquisa com seres humanos, tendo em vista uma avaliação do modo como a imagem das personagens é construída na obra. A princípio, entende-se que, na obra em questão, as autoras apresentam a metáfora visual como uma ornamentação da linguagem cuja finalidade é comunicar um pensamento (uma razão, uma reflexão) por meio de uma forma artística cheia de humor e de ironia.

Biografia do Autor

Cristiano Camilo Lopes
Cristiano Camilo Lopes é doutor e mestre em Letras pela Universidade de São Paulo (USP). É professor na Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM) e atualmente realiza pesquisa de pós-doutorado em Letras na Universidade de São Paulo sob o título “Crônicas de Nárnia do texto para a tela: um estudo comparado entre a literatura e o cinema”

Referências

LAGO, Angela; LOTUFO, Gisele. A raça perfeita. Porto Alegre/RS: Editora Projeto,2004.

LEWIS, Clives S. A experiência de ler. Porto/Pt: Porto Editora, 2003.

VÁSQUEZ, A.S. Ética. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira. 2013.

Publicado
2014-12-30
Como Citar
LOPES, C. C. Questões de ética em A raça perfeita, de Angela Lago e Gisele Lotufo. Literartes, n. 3, p. 102-108, 30 dez. 2014.
Edição
Seção
Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)