Santa Evita : intertexto e paródia

  • Jane Christina Pereira Instituto Federal de Brasília (IFB)
Palavras-chave: Novo romance histórico Hispano-americano, Santa Evita, Metaficção, Romance reportagem, Intertexto, Paródia

Resumo

Este artigo tem por objetivo demonstrar que a estrutura do discurso em Santa Evita (1995), de Tomas Eloy Martinez, é elaborada a partir de um intertexto paródico com o novo jornalismo norte-americano ou romance-reportagem, produzido nas décadas de 1960 e 1970. A análise tem por base, principalmente, o conceito de metaficção historiográfica de Linda Hutcheon e a conceituação de Rildo Cosson a respeito do romance reportagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jane Christina Pereira, Instituto Federal de Brasília (IFB)

Doutora em Teoria Literária (2006) pela UNESP, possui graduação em Letras (1997) e mestrado em Literatura Brasileira (2001) pela mesma universidade. De 2008 a 2009 foi professora da Faculdade Michelangelo/Instituto Rui Barbosa do Brasil, coordenadora da Pós-Graduação da mesma faculdade e tutora do Centro de Educação à Distância - Universidade de Brasília (UNB). No que se refere às especificações do percurso acadêmico, trabalhou com os seguintes temas: fortuna crítica: Cecília Meireles (iniciação científica), acervo literário e narrativa poética: João Antônio (mestrado e doutorado respectivamente). Atualmente, é docente no Instituto Federal de Brasília (IFB), onde trabalha com literatura e outras artes por meio das metodologias da Tertúlia Literária Dialógica e da produção de livros autorais/artesanais.

Publicado
2018-06-05
Como Citar
Pereira, J. (2018). Santa Evita : intertexto e paródia. Literatura E Sociedade, 22(25), 53-70. https://doi.org/10.11606/issn.2237-1184.v0i25p53-70
Seção
Ensaios