Efeitos das variações cambiais sobre os componentes comerciais da conta corrente no Brasil: 1995-2005

Autores

  • Jesse Andros Pires de Castilho Universidade de Brasília
  • Joanílio Rodolpho Teixeira Universidade de Brasília; Departamento de Economia
  • Marco Aurélio Ferreira Peres União Pioneira de Integração Social; Departamento de Economia

DOI:

https://doi.org/10.1590/S1413-80502008000100004

Palavras-chave:

taxa de câmbio, importações, exportações, mudanças institucionais, elasticidades, Brasil

Resumo

Neste artigo é feita uma análise da influência das variações cambiais sobre os componentes comerciais da conta corrente do balanço de pagamentos no Brasil, no período compreendido entre janeiro de 1995 e janeiro de 2006, com freqüência de dados mensal. O tratamento econométrico adotado fundamentou-se na análise de cointegração. Buscou-se também retirar das elasticidades calculadas os efeitos das mudanças institucionais pela aplicação do índice de Divísia. Pôde-se concluir com razoabilidade aceitável que, sem levar em consideração as mudanças institucionais, as variações cambiais exerceram influência significativa nos componentes da balança comercial do Brasil, no período analisado. Os mecanismos de correção de erros sinalizaram que os desequilíbrios de curto prazo podem ser corrigidos num tempo relativamente curto.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2008-03-01

Como Citar

Castilho, J. A. P. de, Teixeira, J. R., & Peres, M. A. F. (2008). Efeitos das variações cambiais sobre os componentes comerciais da conta corrente no Brasil: 1995-2005. Literatura E Sociedade, 12(1), 79-101. https://doi.org/10.1590/S1413-80502008000100004

Edição

Seção

Artigos