Tradutor remixador: a experiência de traduzir “Amanhã Numa Boa”, de Faïza Guène

  • Luciana Persice Nogueira Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Palavras-chave: FCC, Faïza Guène, Amanhã numa boa

Resumo

Esse é um relato de minha experiência, enquanto tradutora profissional, no trabalho de tradução do romance Amanhã numa boa (Nova Fronteira, 2006), escrito pela jovem escritora francesa de origem magrebina Faïza Guène, a partir do original Kiffe kiffe demain (Hachette Littératures, 2004). O texto de Faïza é escrito num francês coloquial que mistura registro familiar (usado pelos franceses de uma maneira geral) e diferentes tipos de gíria – da mais amplamente e nacionalmente conhecida, ao FCC (Français contemporain des cités), passando pelo falar específico do universo beur – num ambiente verbal típico dos subúrbios das grandes cidades, urbano e popular. Faz-se aqui o exame das dificuldades de se encontrar um registro local exatamente equivalente no Brasil (mesmo nas grandes cidades), da tentativa de se criar esse equivalente, entre outros aspectos da transposição de uma língua a outra e de uma cultura a outra.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luciana Persice Nogueira, Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Professora de Língua e Literaturas de Língua Francesa do Setor de Francês do Instituto de Letras da UERJ. Pós-doutorado em Literatura Francesa pela UFRJ.

Referências

AGER, Dennis. La dimension politique de l’emprunt et la réaction française. Réponse à Henriette Walter. In WRIGHT, Sue (Ed). Français, langue d’accueil? Clevedon: Multilingual Matters, 2000, p.71-75.

BASTIAN. Sabine. Langue(s) des cités: maux du dire – maux du traduire? Adolescence, n°70, Paris, 2009, p.859-871.

CURRERI, Rossana, Ilaria Vitali, Intrangers (II). Littérature beur, de l'écriture à la traduction, Lectures, disponível desde 22/10/2012, acesso on line em 19/04/2017. URL: http://lectures.revues.org/9578.

DERRIDA, Jacques. Torres de Babel. Tradução de Junia Barreto. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2006.

GUÈNE, Faïza. Amanhã numa boa. Tradução de Luciana Persice Nogueira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2006, 175p.

GUÈNE, Faïza. Kiffe Kiffe demain. Paris: Hachette, 2004, 189p.

VENUTI, Lawrence. Escândalos da Tradução - Por uma ética da diferença. Tradução de Laureano Pelegrin, Lucinéia Marcelino Villela, Marileide Dias Esqueda e Valéria Biondo. Bauru: EDUSC, 2002

Publicado
2018-06-30
Como Citar
Nogueira, L. P. (2018). Tradutor remixador: a experiência de traduzir “Amanhã Numa Boa”, de Faïza Guène. Non Plus, 7(13), 31-44. https://doi.org/10.11606/issn.2316-3976.v7i13p31-44
Seção
ESTUDOS DA TRADUÇÃO