Análise sobre a interferência antrópica na origem dos campos do Núcleo Curucutu, Parque Estadual da Serra do Mar, São Paulo

  • Ricardo José Francischetti Garcia Prefeitura do Município de São Paulo; Departamento de Parques e Áreas Verdes; Herbário Municipal
  • José Rubens Pirani Universidade de São Paulo; Instituto de Biociências; Departamento de Botânica
Palavras-chave: Serra do Mar, vegetação campestre, São Paulo, história, flora

Resumo

Com o objetivo de investigar a importância da interferência antrópica na origem dos campos situados junto da crista da Serra do Mar, no município de São Paulo, realizou-se levantamento em diversas fontes de dados históricos que abrangessem a região, especialmente sob o aspecto de atividades econômicas, expansão urbana e vias de comunicação, como possíveis fatores de impacto sobre a vegetação. Verificou-se que a atividade de carvoarias, em meados do século XX, constituiu-se no principal fator de degradação local. Essa atividade, contudo, não é suficiente para explicar a ocorrência de campos no local, embora, possivelmente, tenha retardado a substituição natural dos campos por matas. Discute-se a importância da flora do Núcleo Curucutu para medidas de resgate histórico da flora do município de São Paulo.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2005-06-30
Como Citar
Garcia, R., & Pirani, J. (2005). Análise sobre a interferência antrópica na origem dos campos do Núcleo Curucutu, Parque Estadual da Serra do Mar, São Paulo . Paisagem E Ambiente, (20), 131-151. https://doi.org/10.11606/issn.2359-5361.v0i20p131-151
Seção
Pesquisa