[1]
M. Seligmann-Silva, “Viver numa casa de vidro é uma virtude revolucionária por excelência” : Walter Benjamin e a paixão pela cidade e pela história ‘ porosas ’, Pandaemonium ger. (Online), vol. 23, nº 40, p. 20-42, mar. 2020.