Patrick Geddes e a Escola Territorialista Italiana: aproximações conceituais e metodológicas. Reflexões a partir da participação de crianças na representação de valores patrimoniais da cidade de Santa Leopoldina–ES/Brasil

  • Bruno Amaral de Andrade Universidade Federal do Espírito Santo. Departamento de Arquitetura e Urbanismo. Laboratório Patrimônio & Desenvolvimento.
  • Renata Hermanny de Almeida Universidade Federal do Espírito Santo. Departamento de Arquitetura e Urbanismo. Laboratório Patrimônio & Desenvolvimento.
Palavras-chave: Geddes, Patrick, 1854-1932. Escola Territorialista Italiana. Representação de valores. Participação de crianças. Santa Leopoldina – ES/Brasil.

Resumo

O estudo de Patrick Geddes sobre a criança na cidade reporta às Mostras sobre o Bem-Estar da criança, bem como ao interesse por estudos acerca das origens históricas e geográficas das cidades, a partir de fábulas ligadas às condições simples e naturais da relação do homem com o meio ambiente, por exemplo, estórias de caçador, mineiro, lenhador, pastor, camponês e pescador. A Escola Territorialista Italiana, de Alberto Magnaghi, revisita de maneira crítica e reflexiva a abordagem participativa precursora do pensamento geddesiano e desenvolve método, técnica e instrumento para a participação de crianças como atoresprotagonistas na representação e no projeto do território. Com efeito, este artigo discute a representação de valores por crianças em sítio histórico de valor patrimonial, originalmente ocupado por imigrantes de origem germânica, a cidade de Santa Leopoldina, no Estado do Espírito Santo, Brasil. Isso é feito tendo por referência desenhos elaborados por alunos de faixa etária entre 11 e 15 anos, desenvolvidos individual e coletivamente. Os desenhos, produzidos por diferentes estratégias lúdicopedagógicas, revelam maior relação afetiva com o ambiente paisagístico do que com o ambiente urbano.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Bruno Amaral de Andrade, Universidade Federal do Espírito Santo. Departamento de Arquitetura e Urbanismo. Laboratório Patrimônio & Desenvolvimento.
http://lattes.cnpq.br/2883004910881772
Renata Hermanny de Almeida, Universidade Federal do Espírito Santo. Departamento de Arquitetura e Urbanismo. Laboratório Patrimônio & Desenvolvimento.
 http://lattes.cnpq.br/6084375628734298
Publicado
2016-07-04
Como Citar
Andrade, B., & Almeida, R. (2016). Patrick Geddes e a Escola Territorialista Italiana: aproximações conceituais e metodológicas. Reflexões a partir da participação de crianças na representação de valores patrimoniais da cidade de Santa Leopoldina–ES/Brasil. Pós. Revista Do Programa De Pós-Graduação Em Arquitetura E Urbanismo Da FAUUSP, 23(39), 120-137. https://doi.org/10.11606/issn.2317-2762.v23i39p120-137
Seção
Artigos