Considerações sobre a arquitetura e a identidade do homem no mundo contemporâneo

  • Angela Maria Rocha Universidade de São Paulo; Faculdade de Arquitetura e Urbanismo; Departamento de Tecnologia da Arquitetura
Palavras-chave: Arquitetura contemporânea, movimento moderno, CIAM, cultura, identidade, crítica, projeto

Resumo

O trabalho procura situar os aspectos culturais envolvidos na prática arquitetônica, considerando-os essenciais para a construção da identidade do homem. O movimento moderno na arquitetura representou um episódio de transição histórica, marcado pela reflexão sobre as mudanças tecnológicas ocorridas a partir da Revolução Industrial, reinserindo-as no campo das produções culturais e condicionando as práticas arquitetônicas enquanto especialização institucionalizada. O balanço do movimento moderno na arquitetura, que germina com a reconstrução européia no pós 2ª Guerra Mundial, não conseguiu superar a insuficiência crítica herdada do CIAM, que enfatizou os aspectos técnicos da prática arquitetônica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BENÉVOLO, Leonardo. O último capítulo da arquitetura moderna. Lisboa: Edições 70, 1997.

LASCH, Christopher. A cultura do narcisismo. Rio de Janeiro: Imago, 1983.

VARGAS, Milton. Metodologia da pesquisa tecnológica. Porto Alegre: Ed. Globo, 1984.

Publicado
2003-12-01
Como Citar
Rocha, A. (2003). Considerações sobre a arquitetura e a identidade do homem no mundo contemporâneo. Pós. Revista Do Programa De Pós-Graduação Em Arquitetura E Urbanismo Da FAUUSP, (14), 48-57. https://doi.org/10.11606/issn.2317-2762.v0i14p48-57
Seção
Artigos