O real panorama da polis: conflitos na produção do espaço em favelas localizadas em bairro da elite de São Paulo

  • Tiarajú D’Andrea Universidade de São Paulo.
Palavras-chave: Segregação socioespacial. Favela. Conflitos na produção do espaço.Política urbana. Capital imobiliário. Paraisópolis. Real Parque. Remoções.

Resumo

Partindo de especificidades da região sudoeste de São Paulo, este artigo problematiza conflitos relacionados à produção social do espaço urbano. Para tanto, narra e analisa três eventos ocorridos em favelas localizadas nessa região. Ditos eventos, tratados como cenas descritivas, são: a compra, por uma construtora, de 70 moradias localizadas na favela Jardim Panorama; um despejo ocorrido na favela Real Parque; e um levante popular na favela Paraisópolis. Depreende-se, por meio da análise dos eventos em questão, que o processo de expulsão das classes populares dessa região reatualiza-se, fundamentalmente, por meio da coerção econômica, possibilitada pelo paulatino processo de privatização da gestão urbana. Dito processo se consolida por meio da operacionalização da legalidade e da ilegalidade pelo Estado, pela dificuldade de publicização das demandas pelos setores populares e pela transformação desses setores em mercado consumidor.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Tiarajú D’Andrea, Universidade de São Paulo.
Doutorando em Sociologia pela Universidade de São Paulo.
Publicado
2012-06-20
Como Citar
D’Andrea, T. (2012). O real panorama da polis: conflitos na produção do espaço em favelas localizadas em bairro da elite de São Paulo. Pós. Revista Do Programa De Pós-Graduação Em Arquitetura E Urbanismo Da FAUUSP, 19(31), 44-65. https://doi.org/10.11606/issn.2317-2762.v19i31p44-65
Seção
Artigos