A Verleugnung em Freud: análise textual e considerações hermenêuticas

  • Carlos Drawin Universidade Federal de Minas Gerais
  • Jacqueline Moreira Pontificia Universidade Catolica de Minas Gerais
Palavras-chave: psicanálise, Freud, desmentido, fetichismo

Resumo

Neste artigo abordamos os diferentes deslocamentos da ideia de “recusa”, “renegação” ou “desmentido” (Verleugnung) no texto freudiano. Para promover essa reflexão, discutimos inicialmente as traduções e significados do termo alemão, para depois acompanhar o seu aparecimento na Primeira Tópica e o seu desenvolvimento conceitual na Segunda Tópica. Acreditamos que, embora o conceito de “desmentido” tenha encontrado a sua formulação específica como mecanismo de defesa da perversão fetichista, trata-se de um conceito bem mais extenso, que não se restringe à organização perversa e possui grande valor para a compreensão crítica de certos aspectos da sociedade contemporânea.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-01-01
Como Citar
Drawin, C., & Moreira, J. (2018). A Verleugnung em Freud: análise textual e considerações hermenêuticas. Psicologia USP, 29(1), 87-95. https://doi.org/10.1590/0103-656420160171
Seção
Artigos Originais