A construção de uma escala sobre as concepções de deficiência

procedimentos metodológicos

  • Lúcia Pereira Leite Universidade Estadual Paulista, Departamento de Psicologia
  • Cristina Broglia Feitosa de Lacerda Universidade Federal de São Carlos, Departamento de Psicologia
Palavras-chave: deficiência, inclusão social, escala, concepção, psicologia

Resumo

Este artigo parte dos preceitos da psicologia histórico-cultural para analisar como a deficiência é conceituada e suas implicações. Procura descrever a elaboração de um procedimento metodológico para averiguar concepções de deficiência. Feita a revisão da literatura nacional e internacional, foram circunscritas quatro concepções: orgânica, psicossocial, histórico-cultural e metafísica. Para cada uma delas foram definidas cinco asserções, dispostas em cinco pontos ordinais. A escala foi avaliada por juízes com familiaridade teóricometodológica na temática deficiência. Foi calculado o índice de concordância entre as classificações originais dos enunciados com as marcações e retorno e revisão das classificações discordantes. Aplicações iniciais e os tratamentos decorrentes permitiram a confecção da Escala de Concepções de Deficiência (ECD).

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-12-31
Como Citar
Leite, L., & Lacerda, C. (2018). A construção de uma escala sobre as concepções de deficiência. Psicologia USP, 29(3), 432-441. https://doi.org/10.1590/0103-65642018109
Seção
Artigos Originais