Concepções de aprendizagem em estudantes portugueses do primeiro ciclo do Ensino Básico

Palavras-chave: aprendizagem, concepções de aprendizagem, 1º ciclo do ensino básico

Resumo

Pretendeu-se conhecer as concepções de aprendizagem de estudantes portugueses do 1º ciclo do Ensino Básico, verificando a possível replicação e inovação em relação às concepções identificadas pela perspectiva fenomenográfica. Realizaram-se entrevistas semiestruturadas centradas em três dimensões da concepção de aprendizagem: referencial (o que é a aprendizagem), processual (como se aprende) e contextual (onde se aprende). Uma análise de conteúdo de tipo intermédio das respostas demonstrou uma correspondência entre as concepções encontradas e as concepções básicas reveladas pela fenomenografia (por exemplo, aprendizagem como acumulação de informação, como compreensão ou como obtenção de classificações) e também permitiu desvendar novas concepções de aprendizagem, representando-a como realização de atividades específicas, devolução da informação por explicação, ou realizável através do esforço pessoal e autônomo.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-08-22
Como Citar
Figueira, A. I., & Duarte, A. (2019). Concepções de aprendizagem em estudantes portugueses do primeiro ciclo do Ensino Básico. Psicologia USP, 30, e180164. https://doi.org/10.1590/0103-6564e180164
Seção
Artigos