Entre a folia e a bola de luz: reflexões sobre uma visão compartilhada com os sem-terra de Itapetininga-SP

  • Danilo Paiva Ramos Universidade de São Paulo
Palavras-chave: Sem-terra, experiência, performance, narrativas, MST, campesinato.

Resumo

Enfoco neste trabalho o momento em que vi, com um grupo defoliões sem-terra, uma bola de luz no céu. Na tentativa de melhor compreenderesse evento, procuro refletir sobre as relações entre a Folia de Reis, ashistórias de assombração e os lugares que fui ocupando na vida social doassentamento à medida que realizava minha pesquisa de campo. Tomandocomo referência os trabalhos de Bauman (1977), procuro reconstituir sucintamenteos pontos marcantes da etnografia da performance que realizeino Assentamento Carlos Lamarca, através da qual dois gêneros discursivossurgiram como fundamentais para entender a experiência dos assentados(Turner, 1986): as falas sobre a “nossa luta” e as “histórias de assombração”.Pensando com Favret-Saada (2005) e Ingold (2000), busco então refletirsobre a visão compartilhada da bola de luz como um evento que alterou demodo significativo o lugar que eu vinha ocupando na sociabilidade do assentamentoe que me fez compreender de modo diferente as narrativas quevinha ouvindo e tentando interpretar.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Danilo Paiva Ramos, Universidade de São Paulo
Antropólogo. Doutorando em Antropologia Social pela Universidade de São Paulo (USP) com o projeto "A ferida dos astros: histórias Hupdäh em rituais de ipadu". Possui graduação em Ciências Sociais-USP (2003) e mestrado em Antropologia Social-USP (2006). Desenvolve pesquisa sobre os seguintes temas: Etnologia Indígena, Movimentos Sociais, Narrativas, Performance, Experiência e Rituais. É membro do Núcleo de Antropologia da Performance e do Drama - NAPEDRA/USP, e participa do projeto temático desse Núcleo, que possui auxílio da Fapesp. Atuou como coordenador de projetos sociais na ONG - GAIA SOCIAL, como assistente de projetos e pesquisador consultor (SSL), como professor de Antropologia e Sociologia no ensino superior (UNIB) e de História e Geografia no ensino fundamental e médio (Escola da Vila), como Coordenador em projeto educacional do Governo Federal (PROJOVEM), como membro da comissão editorial da revista Cadernos de Campo-USP, e como facilitador para a formação de cooperativas populares (ITCP-USP). Atualmente é colaborador técnico da Associação Saúde Sem Limites (SSL) para o projeto "Diagnóstico Etnoambiental e Alternativas Econômicas para os Hupdäh da região do Rio Negro (AM)".
Publicado
2013-07-29
Como Citar
Ramos, D. (2013). Entre a folia e a bola de luz: reflexões sobre uma visão compartilhada com os sem-terra de Itapetininga-SP. Revista De Antropologia, 55(2). https://doi.org/10.11606/2179-0892.ra.2012.59307
Seção
Artigos