Portal da USP Portal da USP Portal da USP

Estrutura, variáveis matemáticas e validação do modelo de campos e armas da competição

José Celso Contador

Resumo


O modelo de campos e armas da competição foi publicado, até agora, como referencial teórico de muitos estudos, portanto de forma fragmentada. Devido ao grau de consolidação que atingiu, é o momento de publicá-lo na íntegra, a fim de lançá-lo à discussão na comunidade científica da área de estratégia. É um modelo da Teoria da Competitividade, validado cientificamente, que, por ser qualitativo e quantitativo, tem vantagens em relação ao modelo de Porter, RBV e Balanced Scorecard. Ele nasceu de uma idéia simples: separar, de acordo com o interesse do cliente, as chamadas vantagens competitivas, distinguindo as que lhe interessam das que não lhe interessam. As primeiras referem-se aos campos da competição, e as segundas, às armas da competição. Os campos da competição estão relacionados à estratégia competitiva de negócio, e as armas da competição, às estratégias competitivas operacionais. No primeiro artigo da série foram expostos vários conceitos sobre o modelo CAC. Mas eles foram tratados isoladamente. Neste, que é o segundo artigo, serão apresentadas a estrutura do modelo, as suas variáveis matemáticas e a sua validação científica. O terceiro artigo tratará do processo de formulação da estratégia competitiva.

Palavras-chave


Campos e armas da competição, completude, consistência, filosofia da Ciência, metodologia científica, teoria da Competitividade, validação.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5585/rai.v5i3.192

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista de Administração e Inovação ISSN: 1809-2039