Tecnologias disruptivas de geração distribuída e seus impactos futuros sobre empresas de energia

Autores

  • James T. C. Wright Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade. Depto. de Administração
  • Daniel Estima de Carvalho Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
  • Renata Giovinazzo Spers Fundação Instituto de Administração

Palavras-chave:

Cenários, geração distribuída, tecnologias disruptivas.

Resumo

Este trabalho faz uma previsão, a partir da construção de cenários, do impacto futuro de tecnologias disruptivas de geração distribuída sobre a distribuição de energia elétrica. Geração Distribuída (GD) é definida por tecnologias de geração de energia cuja produção é destinada a atender predominantemente cargas locais, e tecnologias disruptivas são consideradas aquelas que, em geral, não podem ser facilmente avaliadas por uma empresa dominante, mas, ao serem descobertas pelos consumidores, alteram as características iniciais do mercado e são incorporadas rapidamente por consumidores e novos produtores. Para a realização do trabalho, foi utilizada uma metodologia de elaboração de cenários a partir do uso de técnicas combinadas, como Delphi, extrapolações de dados, Análise e Estruturação de Modelos (AEM) e avaliação de impactos. Os resultados indicam que, com o advento da geração distribuída, será possível mitigar eventuais efeitos da incerteza da demanda de energia. Assim, como consequência da menor incerteza na oferta, a introdução da geração distribuída pode contribuir para tornar o sistema mais confiável e eficiente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

James T. C. Wright, Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade. Depto. de Administração

Doutor em Administração pela Universidade de São Paulo – FEA/USP Professor do Depto. de Administração da USP. Coordenador do Programa de Estudos e do MBA Internacional da Fundação Instituto de Administração

Daniel Estima de Carvalho, Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade

Mestrando em Administração pela Universidade de São Paulo – FEA/USP Pesquisador do Programa de Estudos do Futuro da Fundação Instituto de Administração Profuturo – FIA

Renata Giovinazzo Spers, Fundação Instituto de Administração

Doutora em Administração pela Universidade de São Paulo – FEA/USP Professora Doutora e Vice Coordenadora do MBA Internacional da Fundação Instituto de Administração – FIA

Downloads

Publicado

2009-05-18

Como Citar

Wright, J. T. C., Carvalho, D. E. de, & Spers, R. G. (2009). Tecnologias disruptivas de geração distribuída e seus impactos futuros sobre empresas de energia. INMR - Innovation & Management Review, 6(1), 108-125. Recuperado de http://www.revistas.usp.br/rai/article/view/79132

Edição

Seção

Artigos