Foco e Escopo

A REVISTA BRASILEIRA DE CIÊNCIAS FARMACÊUTICAS/Brazilian Journal of Pharmaceutical Sciences tem por finalidade publicar os seguintes tipos de publicação: Artigos originais relacionados com as áreas de conhecimento das Ciências Farmacêuticas, Trabalhos de atualização ou de revisão, que serão incluídos quando solicitados a especialistas pela Comissão de Publicações ou quando submetidos em forma de Abstract para avaliação quanto ao interesse. Ressalta-se a necessidade de se incluir visão crítica dos autores, inserindo os seus trabalhos no tema e avaliando em relação ao estado de arte no País. Notas Prévias relativas a novas metodologias e resultados parciais, cuja originalidade justifique a publicação rápida. Nesse caso, o limite é de 2.000 palavras, excluindo-se tabelas, figuras e referências. Pode-se incluir, no máximo, uma figura, tabela e 10 referências. Resenhas elaboradas por especialistas segundo sugestão da Comissão de Publicações. Suplementos temáticos e aqueles relativos a eventos cientiíficos podem ser publicados mediante aprovação prévia da Comissão de Publicações. Os trabalhos elaborados por especialistas nacionais e estrangeiros podem ser apresentados em língua portuguesa, inglesa ou espanhola. Devem ser originais e inéditos e destinar-se exclusivamente à REVISTA BRASILEIRA DE CIÊNCIAS FARMACÊUTICAS/ Brazilian Journal of Pharmaceutical Sciences.

Processo de Avaliação pelos Pares

Os manuscritos submetidos à Revista, que atenderem as "Instruções aos autores", são encaminhados ao Editor Científico, que indicará dois revisores especialistas no tema abordado (veja Relação dos Consultores - 2003 e gráfico 10). Após a revisão, cujo caráter anônimo é mantido durante todo o processo, os manuscritos são enviados à Comissão de Publicação, que decidirá sobre a publicação. Manuscritos recusados, passíveis de reformulação, poderão ser re-submetidos após reestruturação, como novo trabalho, iniciando outro processo de avaliação. Manuscritos condicionados à reestruturação serão reavaliados pelos revisores. Manuscritos enviados aos autores para revisão devem retornar à Editoria dentro de, no máximo, dois meses, caso contrário terão o processo encerrado.

Periodicidade

Trimestral

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

Fontes de indexação

  • Analytical Abstracts - Coden AABSAR. Website: www.rsc.org/aa
  • Chemical Abstracts - Coden CHABAB.
  • Excerpta Médica - EMSCE. Website: www.embase.com
  • International Pharmaceutical Abstracts - IPA. Website: www.ashp.org
  • Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde - Lilacs
  • Nutrition Abstracts and Reviews - CAB International. Website: www.cabi-publishing.org/nara

Copyright

Manuscritos aceitos e publicados são de propriedade da Revista, ficando os direitos autorais reservados à mesma. A declaração de responsabilidade e transferência dos direitos autorais será encaminhada juntamente com a prova final do artigo, devendo retornar no prazo estipulado

 

Patrocinadores

A publicação recebe financiamento de:

  • Universidade de São Paulo - USP - Comissão de Credenciamento das Publicações Científicas da Universidade de São Paulo.
  • Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq

Histórico do periódico

A origem da Revista Brasília de Ciências Farmacêuticas / Brazilian Journal of Pharmaceutical Sciences remonta aos "Anais de Farmácia e Odontologia da USP", periódico iniciado em 1939. Em 1963, com o vol.1, teve início a "Revista da Faculdade de Farmácia e Bioquímica da Universidade de São Paulo", que, em 1970, recebeu o título de "Revista de Farmácia e Bioquímica da Universidade de São Paulo". Em 1999, foi totalmente reformulada, recebendo a denominação de Revista Brasileira de Ciências Farmacêuticas/Brazilian Journal of Pharmaceutical Sciences.

OBS.: O revista mudou de título em 2009 para Brazilian Journal of Pharmaceutical Sciences