Pedagogia do esporte e motivação: discussão à luz da opinião de ginastas

  • Michele Viviene Carbinatto Universidade de São Paulo. Escola de Educação Física e Esporte
  • Aline Dessupoio Chaves Universidade Federal do Triângulo Mineiro. Departamento de Ciências do Esporte
  • Thaíz Altiva Ribeiro Moreira Universidade Federal do Triângulo Mineiro. Departamento de Ciências do Esporte
  • Myrian Nunomura Universidade de São Paulo. Escola de Educação Física e Esporte de Ribeirão Preto
Palavras-chave: Ginástica artística, Pedagogia do esporte, Formação de técnicos, Educação física, Esporte.

Resumo

Um aspecto questionado na Pedagogia do Esporte diz respeito às ações dos técnicos e professores. Estas devem ser direcionadas aos interesses e necessidades de cada praticante. Neste estudo, elucidamos os motivos que atraíram 120 crianças e jovens, com idade entre 4 e 18 anos, à prática de ginástica artística (GA). Após entrevista e análise de conteúdo, os resultados demonstraram: Fatores Intrínsecos: o prazer e gosto pela prática; a aprendizagem e superação e, Fatores Extrínsecos: a GA por si mesma; benefícios físicos; influências sociais; aspectos lúdicos e saúde. A mídia surgiu nas respostas de crianças acima de 8 anos; os aspectos lúdicos em todas idades e gêneros; tornar-se profissional acima dos 10 anos e o gosto pela GA se relacionou com os elementos específicos da modalidade. Os profissionais, atentos e críticos a esses fatores, podem direcionar e promover a prática em prol do estabelecimento de cultura esportiva a longo prazo.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-12-20
Como Citar
Carbinatto, M., Chaves, A., Moreira, T., & Nunomura, M. (2017). Pedagogia do esporte e motivação: discussão à luz da opinião de ginastas. Revista Brasileira De Educação Física E Esporte, 31(2), 433-446. https://doi.org/10.11606/1807-5509201700020433
Seção
naodefinida