Portal da USP Portal da USP Portal da USP

Migrantes, Imigrantes e Refugiados: a Clínica do Traumático

Miriam Debieux Rosa

Resumo


Este trabalho visa a apresentar as atividades de extensão universitária realizadas pelo projeto Migrantes, imigrantes e refugiados: vulnerabilidade e laço social, desenvolvido no Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo, assim como seus objetivos, resultados e desdobramentos. Inicialmente, apresentaremos o seu campo epistemológico teórico-clínico de articulação entre Psicanálise, sociedade e política, que põe em foco as relações entre sujeito e os modos de construção de laços sociais. Traçamos alguns elementos para caracterizar os problemas dos imigrantes e refugiados
recém-chegados ao país e apresentar algumas das saídas e dos impasses desses sujeitos no laço social. Observamos inúmeras saídas e reorganizações criativas, com articulações entre política e desejo. Destacamos os impasses relativos à angústia, à culpa e à superação das violências, à potência enlouquecedora do trauma e desorganizações subjetivas e à errância sem fim de alguns desses sujeitos. Por fim, apresentamos as coordenadas da clínica do traumático e as estratégias e dispositivos clínicopolíticos desenvolvidos na abordagem desses sujeitos e, particularmente, as questões da demanda e da posição do analista frente às desordens subjetivas geradas por situações políticas e sociais e as estratégias de elaboração coletiva do trauma.

Palavras-chave


Psicanálise; Clínica do traumático; Práticas clínico-políticas.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.11606/issn.2316-9060.v7i0p67-76

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.