Orçamento empresarial: levantamento da produção científica no período de 1995 a 2006

  • Rita Mara Leite Universidade Estadual de Ponta Grossa; Setor de Ciências Sociais Aplicadas; Departamento de Contabilidade
  • Ana Paula Mussi Szabo Cherobim Universidade Federal do Paraná; Setor de Ciências Sociais Aplicadas; Departamento de Administração Geral e Aplicada
  • Helena de Fátima Nunes Silva Universidade Federal do Paraná; Setor de Ciências Sociais Aplicadas; Departamento de Ciência e Gestão da Informação
  • Leilah Santiago Bufrem Universidade Federal do Paraná; Setor de Ciências Sociais Aplicadas; Departamento de Ciência e Gestão da Informação
Palavras-chave: Produção científica, Orçamento empresarial

Resumo

Esta pesquisa aborda a produção científica (teses e dissertações) na área de orçamento empresarial no período de 1995 a 2006. O objetivo é resgatar estudos que versam orçamento empresarial. As informações foram coletadas nos programas brasileiros de mestrado e doutorado em ciências contábeis, reconhecidos e recomendados pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). Para o estudo e interpretação dos dados utilizou-se a análise de conteúdo fundamentada em Bardin. Foram analisados todos os títulos das 1257 dissertações e 112 teses com categorização a priori nas subáreas temáticas: orçamento público, orçamento empresarial, orçamento operacional, orçamento financeiro, considerando-se a presença ou ausência do termo "orçamento". Verificou-se que, do total de 1257 dissertações, apenas 27 dissertações abordam o tema orçamento, sendo que 16 enfocam especificamente o orçamento empresarial, representando 1,27% da produção científica; as outras 11 tratam de orçamento público. Quanto às teses, das 112 encontradas, apenas 1 aborda o orçamento na área pública. Os resultados revelam que o tema "orçamento" é muito pouco investigado entre a produção científica mais expressiva em instituições de ensino superior. Infere-se que a baixa produção na área está relacionada com as dificuldades dos pesquisadores na obtenção de dados para o desenvolvimento da pesquisa empírica, pelo fato de as informações relativas ao processo orçamentário serem estratégicas para as organizações. A abordagem mais freqüente das pesquisas é o estudo da aplicação dos orçamentos, mais precisamente voltado a casos únicos, o que demonstra a preocupação ou necessidade de as universidades constatarem como as empresas fazem o orçamento na prática. Na área pública, as pesquisas abordaram, com mais freqüência, o orçamento em órgãos da administração pública.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2008-08-01
Como Citar
Leite, R., Cherobim, A., Silva, H., & Bufrem, L. (2008). Orçamento empresarial: levantamento da produção científica no período de 1995 a 2006 . Revista Contabilidade & Finanças, 19(47), 56-72. https://doi.org/10.1590/S1519-70772008000200006
Seção
Artigos