MONITORAMENTO E COORDENAÇÃO EM REDES DE FRANQUIA: DISPERSÃO GEOGRÁFICA E AUTOMAÇÃO IMPACTANDO O MIX CONTRATUAL

Autores

  • Eugênio José Silva Bitti Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto. Departamento de Contabilidade
  • André Carlos Busanelli Aquino Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto. Departamento de Contabilidade
  • João Amato Neto Universidade de São Paulo. Escola Politécnica

DOI:

https://doi.org/10.11606/rco.v7i18.55275

Palavras-chave:

franchising, custos de monitoramento, automação.

Resumo

Este estudo analisa a interação entre fatores de influência sobre a proporção de lojas próprias e franqueadas – aqui chamado de mix contratual – em redes de franquias brasileiras. Tal análise é orientada por predições da Teoria da Agência, cuja abordagem preconiza que incentivos ao desempenho local desejado são obtidos alocando-se a propriedade da loja para agentes locais: os franqueados. Dois fatores são analisados em maior detalhe: (i) a dispersão geográfica das unidades eleva custos de monitoramento, o que demanda o emprego de mecanismos de incentivo ao desempenho local; e (ii) o nível de automação dos processos da loja potencializa a capacidade de monitoramento à distância, o que alivia a necessidade de investimento em incentivos (menos lojas franqueadas são esperadas). Os testes realizados com base em informações de 191 redes franqueadas do Brasil indicam que ambos os vetores agem no sentido esperado sobre a distribuição da propriedade das unidades (lojas próprias e franqueadas).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eugênio José Silva Bitti, Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto. Departamento de Contabilidade

Departamento de Contabilidade da FEA/USP (Ribeirão Preto). Área de Controladoria

Downloads

Publicado

2013-08-07

Como Citar

Bitti, E. J. S., Aquino, A. C. B., & Amato Neto, J. (2013). MONITORAMENTO E COORDENAÇÃO EM REDES DE FRANQUIA: DISPERSÃO GEOGRÁFICA E AUTOMAÇÃO IMPACTANDO O MIX CONTRATUAL. Revista De Contabilidade E Organizações, 7(18), 3-13. https://doi.org/10.11606/rco.v7i18.55275

Edição

Seção

Artigos