Análise Per Capita dos Espaços Verdes Urbanos na Região Metropolitana de São Paulo - Brasil

Palavras-chave: região metropolitana de São Paulo, espaços verdes urbanos, densidade populacional, cinturão verde

Resumo

O presente estudo traz um mapeamento dos espaços verdes urbanos (EVU - espaços predominantemente de cobertura vegetal em uma área maior a 625m2) na Região Metropolitana de São Paulo (RMSP), bem como uma análise de relação per capita de tais espaços na escala intraurbana. Para realizar a análise foram utilizadas as Unidades de Desenvolvimento Humano (UDHs) que consistem na ponderação socioeconômica dos setores censitários, especificamente os setores do tipo urbano, segundo a classificação do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Estas UDHs foram categorizadas em cinco classes e assim, verificou-se a dimensão da carência dos EVU conjugada à uma alta densidade populacional, que corresponde à 30% da área analisada, onde habitam 76,44% da população metropolitana. Além da carência per capita dos espaços verdes, foram analisadas e discutidas as zonas onde esta relação possui scores altos. Neste caso, tais valores estão relacionadas à baixa densidade populacional e a presença de amplos espaços verdes do cinturão verde do planalto paulistano, localizados na zona periurbana.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Romero Gomes Pereira Silva, Centro de Desenvolvimento Sustentável, Universidade de Brasilia

Engenheiro Florestal, PhD and MSc em Gestão e Política da Sustentabilidade (Centro de Desenvolvimento Sustentável - CDS-UnB).

Cláudia Lins Lima, Departamento de Geografia, Universidade de Brasília.

Geógrafa, mestre e doutoranda em planejamento territorial pelo Departamento de Geografia da Universidade de Brasília. Atuamente é supervisora técnica da área de Desenvolvimento  Territorial na Conf. Nacional de Municípios.

 

Carlos Hiroo Saito, Departamento de Ecologia, Centro de Desenvolvimento Sustentável, Universidade de Brasília

Biólogo e analista de sistemas, Mestrado em Educação e Doutorado em Geografia. Professor titular do departamento de Ecologia e do Centro de Desenvolvimento Sustentável da Universidade de Brasília.

Referências

AB`SÁBER, A. N. Padrões e ruas e processos de urbanização. In: São Paulo - Ensaios Entreveros. 1. ed. São Paulo - SP: EdUSP, 2004a. p. 137–206.
Ab`Sáber, A. N. O desenvolvimento de São Paulo e o futuro da “Bacia Urbana” regional. In: São Paulo - Ensaios Entreveros. 1. ed. São Paulo - SP: EdUSP, 2004b. p. 269–292.
AB`SÁBER, A. N. As serras florestadas que envolvem as colinas paulistanas. In: São Paulo - Ensaios Entreveros. 1. ed. São Paulo - SP: EdUSP, 2004c. p. 365–376.
AMATO-LOURENÇO, L. F.; MOREIRA, T. C. L.; ARANTES, B. L.; SILVA-FILHO, D. F.; MAUAD, T. Metrópoles, cobertura vegetal, áreas verdes e saúde. Estudos Avançados, v. 30, p. 113–130, 2016. DOI: 10.1590/S0103-40142016.00100008
BUCCHERI FILHO, A.; NUCCI, J. Espaços livres, áreas verdes e cobertura vegetal no bairro Alto da XV, Curitiba/PR. Revista do Departamento de Geografia, v. 18, p. 48-59, 2011. DOI: 10.7154/RDG.2006.0018.0005
CARBONE, A. S. Gestão de áreas verdes no Município de São Paulo, SP-Brasil: ganhos e limites. Dissertação (Mestre em Ciências). São Paulo. Universidade de São Paulo – Faculdade de Saúde Pública. 2014. Disponível em < https://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6134/tde-09042014-103047/publico/AmandaCarbone.pdf>
COSTA, R. G. S.; COLESANTI, M. M. A contribuição da percepção ambiental nos estudos das áreas verdes. Raega-O Espaço Geográfico em Análise, v. 22, n. 1, p. 238–251, 2011. DOI: 10.5380/raega.v22i0.21774
COUTO, M. S. H. Ocupação irregular e criminalidade na região da Serra da Cantareira-SP. Revista LEVS- Laboratório de Estudos da Violência da UNESP/Marília, v. 8, n. 8, p. 107–126, 2011. Disponível em: .
DE VRIES, S.; VERHEIJ, R. A.; GROENEWEGEN, P. P.; SPREUWENBERG, P. Natural environments—healthy environments? An exploratory analysis of the relationship between greenspace and health. Environment and planning A, v. 35, n. 10, p. 1717–1731, 2003. DOI: 10.1068/a35111
DIAS, M. A. S.; DIAS, J.; CARVALHO, L. M. V.; FREITAS, E. D.; DIAS, P. L. S. Changes in extreme daily rainfall for São Paulo, Brazil. Climatic Change, v. 116, n. 3–4, p. 705–722, 2013. DOI: 10.1007/s10584-012-0504-7
DONOVAN, G. H.; BUTRY, D. T. Trees in the city: Valuing street trees in Portland, Oregon. Landscape and Urban Planning, v. 94, n. 2, p. 77–83, 2010. DOI: 10.1016/j.landurbplan.2009.07.019
EASTMAN, J. R. Idrisi Andes. Guide to GIS and image processing, p. 87–131, 2006.
FORESTI, C.; PEREIRA, M. D. B. Utilização de indices vegetativos obtidos com dados do sistema TM-LANDSAT no estudo da qualidade ambiental urbana: cidade de São Paulo. Boletim de Geografia Teoretica. Anais... In: SEMINARIO LATINO-AMERICANO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 4. 1986. Gramado (RS): Instituto Espacial de Pesquisas Espaciais.
MMA - MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE. Geo Catálogo: Imagens RapidEye, 2011. Disponível em: < http://geocatalogo.mma.gov.br>.
HAASE, D.; KABISCH, S.; HAASE, A.; ANDERSSON, E.; BANZHAF, E.; BARO, F.; BRENCK, M.; FISCHER, L. K.; FRANTZESKAKI, N.; KABISCH, N.; KRELLENBERG, K.; KREMER, P.; KRONENBERG, J.; LARONDELLE, N.; MATHEY, J.; PAULEIT, S.; RING, I.; RINK, D.; WOLF, M. Greening cities – To be socially inclusive? About the alleged paradox of society and ecology in cities. Habitat International, v. 64, p. 41–48, 1 jun. 2017. DOI: 10.1016/j.habitatint.2017.04.005
HADDAD, E. A.; TEIXEIRA, E. Economic impacts of natural disasters in megacities: The case of floods in São Paulo, Brazil. Habitat International, v. 45, n. 2., p. 106–113, 2015. DOI: 10.1016/j.habitatint.2014.06.023
IBGE - INTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTASTÍSTICA. Censo Demográfico Brasileiro. 2010. Disponível em: .
Instituto Florestal. Reserva da Biosfera do Cinturão Verde da Cidade de São Paulo, 2010. Disponível em: .
IPEA. INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA E APLICADA. Unidades de Desenvolvimento Humano (UDH), 2012. Disponível em .
ITIKAWA, V. K. Mananciais e urbanização: recuperação ambiental na sub-bacia Billings: os bairros ecológicos em São Bernardo do Campo, São Paulo (1997-2007). Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo) - São Paulo - SP: Universidade Presibiteriana Mackenzie, 2008. Disponível em .
JACOBI, P. A percepção de problemas ambientais urbanos em São Paulo. Lua Nova: Revista de Cultura e Política, v. 31, p. 47–55, 1993. DOI: 10.1590/s0102-64451993000300003
JACOBI, P. Cidade e meio ambiente: percepções e práticas em São Paulo. 1. ed. São Paulo: Annablume, 1999.
KUCHELMEISTER, G. Árboles y silvicultura en el milenio urbano. Unasylva, v. 200, n. 51, p. 49–55, 2000. Disponívem em: < http://www.fao.org/library/library-home/en/>.
LIMA, G. N. DE; MAGAÑA RUEDA, V. O. The urban growth of the metropolitan area of São Paulo and its impact on the climate. Weather and Climate Extremes, v. 21, p. 17–26, 1 set. 2018. DOI: 10.1016/j.wace.2018.05.002
LOBODA, C. R.; DE ANGELIS, B. L. D. Áreas verdes públicas urbanas: conceitos, usos e funções. Ambiência, v. 1, n. 1, p. 125–139, 2005 Diponível em: .
MAAS, J.; VERHEIJ, R. A; GROENEWEGEN, P. P.; VRIES, S.; SPREEUWENBERG, P. Green space, urbanity, and health: how strong is the relation? Journal of Epidemiology & Community Health, v. 60, n. 7, p. 587–592, 2006. DOI: 10.1136/jech.2005.043125
MAAS, J.; DILEEN, S .M. E.; VERHEIJ, R. A; GROENEWEGEN, P. P. Social contacts as a possible mechanism behind the relation between green space and health. Health & place, v. 15, n. 2, p. 586–595, 2009. DOI: 10.1016/j.healthplace.2008.09.006
MARENGO, J. A.; VALVERDE, M. C.; OBREGON, G. O. Observed and projected changes in rainfall extremes in the Metropolitan Area of São Paulo. Climate research, v. 57, n. 1, p. 61–72, 2013. DOI: 10.3354/cr01160
MARICATO, E. Metrópole na periferia do capitalismo. Ilegalidade, desigualdade e violência. São Paulo. Editora HUCITEC. 1996.
MELLO-THÉRY, N. A. Conservação de áreas naturais em São Paulo. Estudos Avançados, v. 25, n. 71, p. 175–188, 2011. DOI: 10.1590/S0103-40142011000100012
MENARIN, C. A. Entorno da sustentabilidade: a reserva da biosfera do Cinturão Verde da cidade de São Paulo (1971–2008). Tese (Doutorado em História)—Assis - SP: Universidade Estadual Paulista - UNESP - Faculdade de Ciências e Letras, 2013. Disponível em: < https://repositorio.unesp.br/handle/11449/103156>.
NUCCI, J. C. Qualidade ambiental e adensamento urbano: um estudo de ecologia e planejamento da paisagem aplicado ao distrito de Santa Cecília, MSP. 1 ed.. Humanitas, FFLCH/USP, 2001.
PLATA, J. A. R.; VILCHIS, M. DEL C. V.; VÁZQUEZ, A. I. G. Green Areas and Environmental Justice: Toward the Urban Sustainability of León, Guanajuato. In: Sustainable Development Research and Practice in Mexico and Selected Latin American Countries. Springer, 2018. p. 283–296. DOI: 10.1007/978-3-319-70560-6_18
RAIMUNDO, S. A paisagem natural remanescente na região metropolitana de São Paulo. São Paulo em Perspectiva, v. 20, n. 2, p. 19–31, 2006. Diponível em: .
RICHARDS, J. A. Remote sensing digital image analysis. Australia: Springer, v. 3. 1986. DOI: 10.1007/978-3-642-30062-2
SÃO PAULO. Lei Municipal nº 13.430. Política Municipal de Áreas Verdes. 2005.
SÃO PAULO. Lei Municipal nº 16.050. Política de Desenvolvimento Urbano e o Plano Diretor Estratégico do Município de São Paulo. 2014.
SBAU. Sociedade Brasileira de Arborização Urbana. Carta de Londrina e Ibiporã, Boletim Informativo, v. 3, n.5, 1996.
SEPE, P. M.; TAKIYA, H. O verde, o território, o ser humano: diagnóstico e bases para a definição de políticas públicas para áreas verdes no Município de São Paulo. v. 1, 1. ed. São Paulo - SP: Secretaria do Verde e do Meio Ambiente – SVMA/PMSP Secretaria de Planejamento – SEMPLA/PMSP, 2004.
SILVA, R. G. P. Cenário dos Espaços Verdes Urbanos no Brasil. Tese (Doutorado em Ciência e Gestão da Sustentabilidade)—Brasília DF: Universidade de Brasília - Centro de Desenvolvimento Sustentável, 2018. Disponível em: .
VAN DILLEN, S. M.; VRIES, S.; GROENEWEGEN, P. P.; SPREEUWENBERG, P. Greenspace in urban neighbourhoods and residents’ health: adding quality to quantity. J Epidemiol Community Health, v. 66, n. 6, p. e8–e8, 2012. DOI: 10.1136/jech.2009.104695
Publicado
2019-12-11
Como Citar
Silva, R., Lima, C., & Saito, C. (2019). Análise Per Capita dos Espaços Verdes Urbanos na Região Metropolitana de São Paulo - Brasil. Revista Do Departamento De Geografia, 38, 31-41. https://doi.org/10.11606/rdg.v38i1.156105
Seção
Artigos