Educar para outro mundo possível diante dos desafios colocados pela globalização capitalista

  • Elifas Levi da Silva Universidade de São Paulo; Faculdade de Educação
  • Elisabete Ferreira Esteves Campos Secretaria Municipal de Educação de São Bernardo do Campo; Equipe de Orientação Técnica
  • Lucimara Rocha de Oliveira Centro de Formação Pedagógica de Itapeva
  • Manuel Marquez Viscaíno Júnior Prefeitura Municipal de São Paulo; Secretaria Municipal da Educação
Palavras-chave: capitalismo, educação, globalização

Resumo

A palavra globalização, de tão repetida, acabou esvaziada de significado. Tentando explicar tudo, acaba não explicando nada. Nesse vazio de sentido nos apoiamos em três grandes pensadores de nosso tempo, István Mészáros, Zygmunt Bauman e António Teodoro, acerca do que é a globalização, seus conceitos, suas raízes, seus efeitos, com especial atenção ao papel da educação e da escola neste cenário. Cada um dos autores contribui com o debate abordando certos aspectos dos processos de globalização em nossa sociedade capitalista, apontando os problemas decorrentes do predomínio das leis de mercado. Pode-se dizer que a globalização iniciou-se com as grandes navegações, mas os processos de globalização capitalista se intensificaram em razão da crise petrolífera dos anos 70. Com o desenvolvimento tecnológico, Internet, sociedades transnacionais e outros fatores, o mercado passou a alcançar o mundo e não mais um ou outro determinado país, retirando o poder das nações, submetendo os países e seus povos aos interesses do capital. Apesar disso, há autores que acreditam na possibilidade da construção de alternativas a essa forma de globalização capitalista, por meio da ruptura com o ordenamento do sistema do capital. E nesta tarefa, a educação, de uma forma mais ampla, teria como objetivo o enfrentamento das internalizações hegemônicas, com vistas a uma nova conscientização que supere a reificação do capital. A educação, nesse sentido, pode construir uma outra lógica, através da formação da consciência crítica, contra a educação consumista, contra a degradação ambiental, as desigualdades, as guerras, valorizando e assumindo os direitos humanos, a diversidade cultural, a participação de todos na vida social e nos processos decisórios

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2007-08-01
Como Citar
Silva, E., Campos, E., Oliveira, L., & Viscaíno Júnior, M. (2007). Educar para outro mundo possível diante dos desafios colocados pela globalização capitalista . Acolhendo a Alfabetização Nos Países De Língua Portuguesa, 1(2), 70-84. https://doi.org/10.11606/issn.1980-7686.v1i2p70-84
Seção
Fundamentos da Educação e Alfabetização